Este é um espaço para celebrar a vida e as pessoas. Viaje comigo nesta aventura!

Estudos revelam 10 alimentos que podem diminuir o risco de câncer

De acordo com o portal de saúde Healthline, estudos revelam que algumas iguarias possuem compostos benéficos que reduzem as chances da doenç

atualizado 25/08/2022 17:55

Enrique Díaz / 7cero/Getty Images

Uma pesquisa do Instituto Nacional de Câncer (INCA) revelou que a doença está entre o principal problema de saúde pública no mundo e entre as quatro maiores causas de morte antes dos 70 anos de idade em vários países. No Brasil, o triênio 2020/2022 apontou o surgimento de 625 mil novos casos.

Não existe uma única causa para o desenvolvimento de câncer, mas o que comemos pode influenciar fortemente. De acordo com o portal de saúde Healthline, estudos revelam que algumas iguarias contam com compostos benéficos que podem diminuir o risco de ter um tumor. Abaixo, confira 10 alimentos selecionados pelo site americano.

1. Brócolis

O vegetal contém sulforafano, um composto que tem propriedades anticancerígenas. Um estudo em tubo de ensaio  divulgado na National Library of Medicine revelou que o composição presente no brócolis diminuiu o tamanho e número de células de câncer de mama em até 75%. Outra pesquisa feita em camundongos reduziu o volume do tumor de próstata em 50%.

O Helthline alerta que o item pode ajudar a diminuir os riscos, mas que todos os estudos não analisaram os efeitos diretos do problema em humanos.

2. Cenouras

O alimento pode reduzir em até 26% o risco de câncer no estômago e 18% o de próstata; além de tumores no pulmão.

É importante ressaltar que as teses mostram uma associação entre o consumo dos alimentos e o problema, mas não levantam outros fatores que podem contribuir para o seu desenvolvimento.

3. Feijão

Estudos em humanos e animais descobriram que o consumo do feijão pode reduzir os riscos de tumores colorretais e câncer de cólon.

4. Bagas

As bagas são frutas carnudas que tem polpa, onde encontram-se as sementes, a exemplo de uvas e goiabas. Elas são ricas em antocianinas pigmentos vegetais com propriedades antioxidantes que diminuem a chance de ter a doença.

Segundo o Healthline, uma análise humana realizada com mirtilo, por sete dias, em 25 pessoas com câncer colorretal, reduziu o crescimento das células tumorais em 7%. Já uma pesquisa em animais descobriu que framboesas pretas diminuíram a incidência da patologia no esôfago em até 54% e outros tipos da doença em 62%.

5. Canela

Conhecida pela capacidade de aliviar inflamações, a especiaria ajuda a bloquear a disseminação e crescimento de células cancerígenas. Testes em tubos de ensaio apresentaram resultados positivos no câncer de cabeça e pescoço.

6.  Nozes

Algumas dissertações descobriram que uma maior ingestão do fruto regularmente pode diminuir o risco de tumores colorretal, pancreático e no endométrio. Alguns tipos específicos de nozes, como a castanha-do-pará, são ricas em selênio, e isso pode ajudar a evitar a enfermidade no pulmão.

Um estudo feito em camundongos reduziu a taxa de crescimento das células do câncer de mama em 80% e de outros tipos em 60%.

7. Azeite

Segundo a Healthline, uma revisão composta por 19 estudos revelou que os indivíduos que consumiram mais do óleo reduziram o risco de desenvolver o câncer de mama e no sistema digestivo do que aqueles com menos ingestão.

8. Frutas cítricas

Consumir limões, limas, toranja e laranja pode diminuir os riscos da enfermidade no trato digestivo e respiratório. Uma revisão de nove estudos apontou uma queda nas chances de tumores no pâncreas. Outra pesquisa revela que a ingestão de frutas cítricas, pelo menos três vezes na semana, reduziu o risco da doença de estomago em 28%.

9. Linhaça

Cerca de 32 mulheres com câncer de mama receberam a semente ou um placebo, diariamente, por mais de um mês durante uma pesquisa. No final do estudo, as que consumiram a linhaça apresentaram um aumento na morte de células cancerígenas.

Em uma análise feita com 161 homens com tumor na próstata, houve uma diminuição no crescimento e disseminação das células da doença.

10. Alho

O alho contém alicina, um composto que demonstrou matar células tumorais em estudos feitos em tubo de ensaio. Os resultados mostraram que comer mais alho pode levar à diminuição dos riscos do câncer de estômago, próstata e colorretal.

É importante ressaltar que fatores como obesidade, tabagismo e consumo excessivo de bebidas alcoólicas colaboram para o desenvolvimento do câncer. Dessa forma, hábitos saudáveis, como a pratica e exercícios físicos, diminuem os riscos do surgimento da enfermidade.

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram

Mais lidas
Últimas notícias