*
 
 

O namorado de Fátima Bernardes, Túlio Gadêlha, não deixou barata a acusação de que teria ganhado um cargo público após começar um relacionamento com a apresentadora do “Encontro”. Por meio das redes sociais, o advogado desabafou e disse que já esperava que, em algum momento, algum veículo de comunicação ia por esse caminho.

“Sabia que algum momento, algum jornal tentaria fazer essa associação. O que não sabia é que eles bloqueariam minha resposta. Vai por aqui mesmo.  Um arranjo de palavras, dessa maneira trás consigo uma mentira injusta e difamatória. Como é de conhecimento público, recebi o convite para assumir o instituto em outubro, antes do meu relacionamento com a apresentadora, iniciado em novembro. O portal NE10 pode ir além, entender a importância de seu papel social e não apenas querer vender jornal”, escreveu Túlio.

Túlio assumiu o cargo de diretor-presidente do Instituto de Terras e Reforma Agrária de Pernambuco (Iterpe), órgão vinculado à Secretária de Agricultura do Governo. O advogado já concorreu ao cargo de deputado federal em 2014 e é vinculado ao Partido Democrático Trabalhista (PDT).

 


Fátima BernardesTúlio Gadêlha