Maquiador revela que ex-BBB Vivian Amorim foi agredida pelo ex

João Paulo falou ainda que após "meter a colher" na briga, ela se afastou dele

atualizado 08/08/2019 15:44

A ex-BBB Vivian Amorim, que foi a segunda colocada no Big Brother Brasil 17, recebeu duras críticas durante o desabafo do ex-maquiador dela, João Paulo. Além disso, o profissional revelou que a também ex-apresentadora do Video Show sofreu agressões do ex-namorado após sair da casa do BBB.

“No início ela era muito odiada. As outras pessoas que estavam por trás, comigo, jogaram a toalha, mas eu acreditei. Até o fim. Segurei a peteca, fazia live com os fãs todos os dias, todas as madrugadas. Eu panfletava no sol quente, ia às casas noturnas. Quem me viu nessa época sabe o quanto me doei. “Antes que me falem que eu me aproveitei disso, as únicas vezes que eu fui (aos paredões do Big Brother Brasil), consegui através de parcerias que já tinha”, começou o maquiador.

Em seguida, fala que teve que fazer tudo para Vivian. “Fui tão cauteloso, que ao sair do programa, já tinha escolhido os primeiros looks. Fui pegar um por um. Eu tentava fazer de tudo para tudo sair perfeito. Eu tinha que fechar contrato, fechar look, ser cabeleireiro, maquiador, fazer tudo. Acabei abrindo mão do meu estúdio e do meu outro trabalho no centro de Manaus. Na época, minhas clientes achavam que eu estava ganhando rios de dinheiro por estar trabalhando com uma pessoa famosa e deixaram de vir ao estúdio. Eu perdi a minha fonte de renda”, disse.

Em certo dia, João Paulo presenciou uma agressão e a amizade com ela começou a mudar. “Veio Parintins, eu conheci pessoas incríveis, fiz de tudo para que todos tivessem uma estadia incrível. E aí o namorado dela da época bebeu e ficou muito agressivo. Em uma das noites – quem estava em Parintins neste ano deve ter visto – estava falando muito alto, gritando com ela. Chegou até a algumas vias que não são legais. Teve um pau no hotel e eu fui, defendi. Se é meu amigo, vou para a porrada, vou para cima e faço tudo. Mas tem aquele velho ditado: ‘Quando um casal está brigando, se matando, você não pode se meter, porque sempre será o errado da história’. Eles ficaram de boa e quem ficou com aquela cara fui eu. Foi aí que começou o afastamento, porque parei de ir com a cara dele”, contou.

“Não fazia mais maquiagem comigo, porque eu tinha sido contra. Eu já estava sendo atacado pelos fãs, ela também estava sendo atacada. Então, para satisfazer os fãs, passou por cima de uma amizade de tanto tempo, de uma pessoa que fazia tantas coisas. Começou a se afastar e ir para outro salão conhecido aqui de Manaus, e isso me doeu muito. Ela virou as costas sem olhar para trás, sem chegar comigo e falar: ‘O que aconteceu? Vamos conversar?’. Eu triste, sem dinheiro, porque tinha deixado de trabalhar, e a pessoa vira as costas? Não tem noção do estrago, não está nem aí para a pessoa”, disse o maquiador.

Procurada, Vivian Amorim não se pronunciou sobre o caso até a última atualização desta matéria.

SOBRE O AUTOR
Ataide de Almeida Jr.

Formado em jornalismo no Centro Universitário de Brasília (UniCeub), trabalhou por sete anos na redação do Correio Braziliense, como repórter e subeditor de Suplementos (Veículos, Informática e Turismo). Logo depois, ocupou o mesmo cargo no site do Correio. Desde 2016, faz parte da equipe do Metrópoles, onde atua como editor de Redes Sociais. Ama um viral e não vive sem suas celebridades.

Últimas notícias