“Fui escolhida por Deus para ser mãe de trans”, afirma Gretchen

Em entrevista, a cantora desabafou sobre sua infância difícil e como lidou com o pai alcoólatra

Divulgação/MultishowDivulgação/Multishow

atualizado 23/08/2019 14:04

Uma das maiores dançarinas do Brasil, a cantora Gretchen passou por altos e baixos antes de alcançar a fama. Em entrevista ao programa A Tarde É Sua, da RedeTV!, a mãe de Thammy Miranda relatou sua infância complicada com os pais e afirmou ter sido preparada por Deus para estar onde chegou atualmente.

No bate-papo, Gretchen contou ter vivido momentos tensos, incluindo cenas em que sua mãe era agredida pelo marido. “Não só presenciava [as agressões] como eu defendia, era a filha mais velha”, relatou.

“Fui escolhida por Deus para várias coisas: ser mãe de trans, presenciar violência doméstica e ser filha de um alcoólatra, sem carregar traumas na vida. Eu aprendi a me defender de tudo. Não ficou trauma, pelo contrário, fiquei mais forte”, acrescentou a eterna Rainha do Rebolado.

Morando em Portugal com o marido, Carlos Marques, Gretchen ainda contou como lida com haters internet afora. “Primeiro respondo, depois bloqueio e excluo”, disse.

SOBRE O AUTOR
Saullo Brenner

Integrante da equipe do portal desde agosto de 2017, atua como repórter e social media. É autor do livro A Confissão de Palomino, publicado em 2019 pela Editora Metrópoles, e foi finalista do Prêmio Abracopel, na categoria Internet, em 2018.

Últimas notícias