*
 
 

O governador eleito de Goiás, senador Ronaldo Caiado (DEM), decidiu ingressar com uma emenda à Medida Provisória 862/18, que autoriza o Distrito Federal a “instituir uma região metropolitana com municípios limítrofes ao seu território”. Conforme revelou à coluna, o futuro titular do Palácio das Esmeraldas pretende suprimir parte do trecho a fim de agregar outras cidades que integram a Região Integrada de Desenvolvimento do Entorno (Ride).

Além do DF, 33 municípios de Goiás e Minas Gerais fazem parte da Ride. O congressista avalia que há localidades, como Luziânia (GO), que têm uma relação de extrema proximidade com Brasília, apesar de não fazerem fronteira com a capital da República. Por isso, quer retirar a expressão “com municípios limítrofes ao seu território” da MP.

“Vamos expandir ao máximo essa região para que Goiás e DF possam beneficiar sua população com programas de infraestrutura, transporte e desenvolvimento social”, afirmou Caiado.

A pedido do governador eleito do DF, Ibaneis Rocha (MDB), a MP foi assinada pelo presidente Michel Temer (MDB) no último dia 4 de dezembro e encaminhada ao Congresso Nacional. Reivindicação antiga das três unidades da Federação envolvidas, o estabelecimento de uma área reconhecida pela União facilitará a destinação de recursos federais aos governos estaduais e distrital. A medida simplificará, por exemplo, a criação de convênios para implantação conjunta de programas destinados à segurança, educação, infraestrutura, saúde e ao transporte.



 


DFMPRonaldo Caiadogoverno de transiçãoibaneis rochaGORideregião metropolitana