*
 
 

Acabou a união de 17 anos entre a Bottega Veneta e o designer Tomas Maier, que assumiu a direção criativa da grife italiana em 2001. A revelação foi feita pelo chairman da holding francesa Kering, François-Henri Pinault, ao portal Business of Fashion nessa quarta-feira (13/6).

O grupo Kering é dono de outras marcas, como Balenciaga, Gucci e Yves Saint Laurent.

Vem comigo saber mais!

Divulgação/Tomas Maier

Tomas Maier foi diretor criativo da Bottega Veneta por 17 anos

 

Pinault não revelou quem deve ocupar o lugar do estilista alemão nem deu previsão de quando o novo diretor assumirá. Segundo o chairman, Maier foi uma “indiscutível referência” e colocou a marca na cena de luxo depois de ela cair no esquecimento sob o comando de Tom Ford, antigo ocupante do cargo.

“Sou profundamente grato a ele [Maier] e o agradeço pessoalmente pelo trabalho realizado e pelo sucesso excepcional que nos ajudou a alcançar”, disse.

Tomas Maier nasceu em 1957 na cidade de Pforzheim. Colaborou com algumas das principais marcas de luxo da Europa — como Hermès, Guy Laroche e Sevillon — antes de, em 2012, fazer a Bottega Veneta tornar-se uma das labels mais lucrativas. Na primeira década no controle da grife, o designer aumentou as vendas em 80%.

Confira alguns looks da marca nas passarelas nos últimos anos:

 

 

Um de seus trabalhos mais recentes fora da marca italiana foi uma colaboração com a brand japonesa de fast-fashion Uniqlo.

Para outras dicas e novidades sobre o mundo da moda, não deixe de visitar o meu Instagram. Até a próxima!

Colaborou Hebert Madeira



 


modaTomas MaierBottega Veneta