*
 
 

A cada dia pedimos por mais inclusão e representatividade. Na moda, não poderia ser diferente. Passarelas dão espaço para modelos que vão além do padrão de beleza e, recentemente, nos desfiles Primavera/Verão 2019, estamos vendo diferentes estilos, etnias e culturas ganharem destaque.

Agora é a vez de Aaron Phillips, modelo transgênero, negra e cadeirante, trazer ainda mais diversidade, personalidade e representatividade para o mundo fashion. E o trabalho que ela faz com tanto carinho e esforço já trouxe frutos.

Vem comigo conferir!

 

Em novembro de 2017, Aaron postou um tuíte falando sobre o sonho de ser modelo. O assunto viralizou e a publicação ganhou mais de 25 mil retuítes e quase 100 mil curtidas. O sucesso não parou por aí. Cheia de estilo, logo conquistou milhares de seguidores e chamou atenção de personalidades como Miley Cyrus e Zendaya.

“Honestamente, quando eu for notado/descoberto por uma agência de modelos, acabou para todos vocês! Por vocês, eu digo o mundo! É a verdadeira hora de inclusão e diversidade, pessoal! Vamos nessa!”, declarou.

Desde então, a modelo moradora do condado do Bronx, em Nova York, compartilha com os fãs cliques maravilhosos, cheios personalidade e confiança. No início do mês (1º/9), Aaron conquistou o tão sonhado contrato com a agência Elite NYC, empresa com filiais em Los Angeles, Miami e Toronto, e trabalha com Alice First, Janaye Furman e Nina Agdal.

“Assinei com a Elite NYC! Muito obrigado por me apoiarem durante minha viagem para tornar o mundo da moda mais inclusivo. Isso não tem sido fácil, mas conseguimos! Estou tão empolgada e grata por trabalhar duro e compartilhar este novo capítulo da minha vida com todos vocês!”, publicou na rede social, ao comemorar a novidade.

Aaron já deu entrevistas para publicações como Paper Magazine e Asos. No Twitter, convida fotógrafos, maquiadores e consultores para ajudarem com o styling. Sempre alto astral, ela aposta no glamour vintage e esbanja o melhor do streetwear. Em entrevistas, Aaron revelou o desejo por estrelar campanhas e ocupar passarelas.

Confira alguns cliques:

Reprodução/Twitter/@aaronphillipxo

A modelo aposta em composições criativas nos cliques que divulga nas redes sociais

 

Reprodução/Twitter/@aaronphillipxo

Nesta foto, brinca com o estilo de noiva e um terço na mão

 

Reprodução/Twitter/@aaronphillipxo

Ela adora a vibe vintage e etérea da fotografia noventista

 

Reprodução/Twitter/@aaronphillipxo

Aaron arrasa nas ruas e também nos estúdios!

 

Reprodução/Twitter/@aaronphillipxo

A modelo esbanja confiança e estilo com apenas 17 anos

 

Reprodução/Twitter/@aaronphillipxo

Sabe apostar nas peças para produções com statements e bastante informação de moda

 

Reprodução/Twitter/@aaronphillipxo

Aaron já chamou atenção de celebs como Miley Cyrus e Zendaya no Instagram

 

Reprodução/Twitter/@aaronphillipxo

Vintage e estilosa!

 

Reprodução/Twitter/@aaronphillipxo

Mix de alfaiataria e sport para o streetwear das ruas de Nova York

 

Aaron quebra padrões e mostra o significado da representatividade com base na verdade. Em 2015, Kylie Jenner posou para fotos provocantes sentada em uma cadeira de rodas dourada. O shooting para a Interview Magazine causou polêmica e beirou o deboche. Afinal, o que Kylie realmente sabe sobre a vida de uma cadeirante?

A banalização e a falta da representatividade real chamou a atenção da modelo Aaron, que é bastante ativa na luta pela inclusão. À princípio, considerou o ensaio de Kylie interessante, mas, com o passar dos anos, percebeu o quão problemático é transformar a condição de paralisia em fetiche. Por que não trabalhar com cadeirantes de verdade?

Reprodução/Interview Magazine

A empresária Kylie Jenner posou numa cadeira de rodas dourada para a Interview Magazine em 2015 e causou polêmica

 

Segundo a Organização Mundial da Saúde, 15% da população mundial sofre com alguma forma de deficiência e, eu espero, em breve, escrever sobre os novos capítulos da vida de Aaron. Torço para virem muitas oportunidades, campanhas e desfiles –  e que a modelo continue a dar um show de representatividade e estilo, sempre contribuindo rumo a uma moda mais inclusiva.

Para outras dicas e novidades sobre o mundo da moda, não deixe de visitar o meu Instagram. Até a próxima!

Colaborou Hebert Madeira



 


modarepresentatividadeAaron Phillips