Paris Fashion Week: saiba as novidades para a primavera de 2019

Confira algumas tendências apresentadas na última grande semana de moda internacional. Vem comigo!

Getty ImagesGetty Images

atualizado 05/12/2018 13:05

Os desfiles de Paris marcam o fim das quatro maiores semanas de moda do mundo. Os eventos começaram em Nova York, passaram por LondresMilão e, em breve, na próxima terça-feira (2/10), encerram na capital francesa com a grife Louis Vuitton. Mesmo com alguns dias pela frente, já pude notar as mais marcantes tendências das passarelas.

Saint Laurent, sob o comando de Anthony Vaccarello, lançou as principais: os maiôs em asa-delta usados como roupas de festas, casacos com uma pegada rocker e botas e shorts imitando pele de cobra. A Paco Rabanne utilizou referências indianas.

Vem comigo conferir!

 

Maiôs
Geralmente associados às coleções de moda praia ou lingerie, os maiôs apareceram como peças de vestuário para noite. Na passarela da Saint Laurent, vi uma pegada sensual característica do DNA da marca entre os anos 1960 e 1980. Tudo isso numa vibe roqueira e repleta de preto, em bodies cavados no estilo asa-delta. Apesar de polêmica, eu adorei a coleção que manteve ainda o toque western  desde a última temporada.

Já na coleção genderless da Gucci, Alessandro Michele trouxe maiôs para mulheres e homens nos tons vibrantes de laranja e lilás. O designer optou por usar em suas produções o estilo utilizado por  Tom Ford na coleção Primavera 2018, quando o estilista associou a peça a uma calça baggy. Enquanto isso, na YSL e Guy Laroche, a novidade assumiu o protagonismo do visual.

Virgil Abloh investiu no esportivo com um toque romântico, assim como fez no uniforme de Serena Williams – o maiô aparece em sobreposição de transparências.

Saint Laurent

Getty Images
O leopard print combina com o aspecto ousado do maiô

 

Getty Images
Anthony Vaccarello investiu pesado no recorte asa-delta

 

Getty Images
A coleção teve uma pegada rocker e trouxe as peças como os itens principais de alguns looks

 

Getty Images
Além da asa-delta, a marca apostou nos ombros assimétricos, fendas e decotes

 

Guy Laroche

Getty Images
A coleção foi repleta de preto e branco

 

Getty Images
Menos cavados que os da YSL, os modelos também são minimalistas e prezam pelo clean

 

Gucci

Getty Images
Laranja vibrante no maiô masculino da coleção da Gucci

 

Getty Images
A peça também apareceu em roxo com a cascata prateada

 

Getty Images
Maiô vermelho de alça única escondido no terninho preto

 

Tom Ford investiu na mesma ideia na coleção Primavera/Verão 2018:

Getty Images
Calça como sobreposição de maiô na passarela de Tom Ford na primavera 2018

 

Off-White

Getty Images
O esportivo uniu-se ao romântico na coleção da Off-White, com logos da Nike estampadas e a transparência

 

Getty Images
Neon não podia faltar na coleção da gigante do streetwear

 

Snakeskin
street style e as passarelas anteriores já indicavam essa como uma possível tendência e os shows em Paris vieram para confirmar. O animal print, que nunca sai de moda e geralmente surge com as padronagens de leopardo e zebra, nesta temporada, aparece na estampa de cobra. A textura imita a pele escamada do animal e vem forte em vestidos, botas e outros acessórios.

Gucci

Getty Images
Slip dress em padronagem snakeskin

 

Getty Images
A padronagem apareceu também nesta calça com modelagem superanos 1970

 

Off-White

Getty Images
O verde neon se mistura ao snakeskin print para a Off-White

 

Getty Images
Combinação curiosa entre saia e tracking suit

 

Getty Images
Conjuntinho superstreet

 

Getty Images
Virgil Abloh brincou também com a textura da pele de cobra

 

Saint Laurent

Getty Images
Na Saint Laurent, o detalhe apareceu neste short

 

Getty Images
Modelos desfilaram na passarela molhada da Saint Laurent com botas em estilo snakeskin

 

A.W.A.K.E

Getty Images
Bolsa com estampa e textura snakeskin bem discreta

 

Getty Images
Camisa com a padronagem no mesmo tom que a bolsa

 

Getty Images
Neste modelo, a estampa do réptil aparece num tom mais vivo de marrom claro

 

Índia
Nas passarelas, estampas étnicas, cores fortes, fluidez e detalhes espelhados lembram peças e tecidos da Índia. A Gucci flertou com vestidos em paetês, plumas e bordados de cores como verde-limão, vermelho e roxo – com uma calça embaixo de um dos looks. A paleta foi parecida com a coleção da Prabal Gurung.

Na Paco Rabanne, esses detalhes ajudam a transmitir uma vibe mística. Já na Chloé, a inspiração é a boemia setentista, com toque de modernismo hippie. A escolha das cores e as estampas carregam um quê da Índia.

Gucci

Getty Images
Look em verde vibrante com os detalhes plissados em roxo, combinação que a Prabal Gurung usou bastante na coleção de Nova York

 

Getty Images
Alessandro Michele apostou nos paetês e vários detalhes nas peças com mood indiano

 

Getty Images
Os colares se juntam aos detalhes do vestido com a presença forte do vermelho. A calça sobreposta lembra a referência aos kaftans

 

Paco Rabanne

Getty Images
Detalhes dourados na saia em estilo odalisca

 

Getty Images
As medalhas e estampas remetem à moda indiana

 

Getty Images
Fluidez e várias estampas

 

Getty Images
Mais medalhas e detalhes dourados no look rente à silhueta, porém, com movimento

 

Chloé

Getty Images
Na coleção boêmia da Chloé, as estampas foram bem presentes

 

Getty Images
Saia com padronagens étnicas e textura

 

Getty Images
Toque psicodélico na blusa com manga diferenciada e calça cheia de movimento

 

Getty Images
Franjas na saia e blusa com mangas folgadas. A sandália completa o visual boêmio

 

Para outras dicas e novidades sobre o mundo da moda, não deixe de visitar o meu Instagram. Até a próxima!

Colaborou Hebert Madeira

SOBRE O AUTOR
Ilca Maria Estevão

Bacharel em psicologia pela Universidade Georgetown, em Washington D.C. (EUA). É a colunista de moda do Metrópoles e acompanha a movimentação na indústria fashion nacional e internacional. Além da curadoria de Ilca, o espaço tem a colaboração dos repórteres Rebeca Ligabue, Hebert Madeira, Danillo Costa e Sabrina Pessoa. Após passar por rigoroso processo de pesquisa, apuração e troca de ideias, as matérias são publicadas diariamente às 5h30, às 12h e às 15:30h. Às terças, quintas e aos domingos, o primeiro texto postado na coluna é uma reportagem especial.

Últimas notícias