*
 
 

Com a proximidade do 67º Miss Universo, que acontece no dia 16 de dezembro, em Bangkok, as novidades sobre a participação da Miss Brasil no evento começam a surgir. Confinada em um hotel da capital tailandesa há uma semana, a amazonense Mayra Dias, vencedora da etapa nacional do maior concurso de beleza do mundo, aos poucos tem se tornado uma das favoritas da competição. Não só por seu belos traços, mas também pelos looks que usará por lá.

Vem comigo!

Graças à sua participação no concurso, Mayra entrará para o hall de estrelas vestidas pela estilista Fabiana Milazzo. A designer mineira, cujas criações já foram usadas por Katie Holmes, Sharon Stone e Fergie, assina o vestido de gala que a Miss Brasil Be Emotion irá desfilar na competição de beleza.

A peça, confeccionada especialmente para a representante brasileira, é toda bordada à mão. O trabalhou durou um mês e meio de produção. Pesando mais de 5kg, o traje está avaliado em R$ 25 mil.

Marcelo Soubhia

Traje de gala criado por Fabiana Milazzo é todo bordado com cristais e pesa 5kg

 

“Foi um prazer enorme desenvolver o vestido de gala da Mayra. Depois que a conheci, vi como seria incrível usar a técnica de bordado handmade que acompanha as linhas do corpo. A intenção era realmente realçar todos os traços com um vestido sob medida praticamente feito no corpo dela. Além disso, pensei em um vestido com muito brilho, para acender quando ela estiver no palco, então utilizamos cristais”, revela a estilista.

Reprodução/Instagram/@mayraadiias

Mayra está na Tailândia há uma semana

 

Reprodução/Instagram/@mayraadiias

A brasileira espera defender as causas ambientais da Amazônia e conquistar a coroa

 

Para o desfile de traje típico, no qual as representantes levam a cultura de seu país aos jurados, Mayra, que é do Amazonas, homenageará o Festival Folclórico de Parintins. Assinado por Helerson da Maia, estilista responsável pelas principais vestimentas da festa típica, o look simboliza as etnias indígenas.

“O traje é a representação de uma índia que carrega pinturas e plumagens de todas as etnias brasileiras em sua indumentária. A entidade reúne todas as representações de nossos ancestrais e seus legados para que seus remanescentes tenham força e sabedoria”, explica Helerson.

Para finalizar a produção, a roupa traz uma transformação que promete deixar os espectadores boquiabertos. No primeiro momento, a brasileira surgirá como índia e, em seguida, as peças formarão um beija-flor. A evolução será comandada pela própria miss, por meio de um dispositivo de controle remoto embutido no figurino.

Marcelo Soubhia

O traje é a representação de uma índia que carrega pinturas e plumagens de todas as etnias brasileiras

 

Marcelo Soubhia

Roupa se transforma em um beija-flor por meio de mecanismos acionados por controle remoto

 

“O beija-flor é uma ave que existe em todo Brasil, sendo assim uma figura ideal para esse momento de transformação. Com o mecanismo acionado, surgem as asas se abrindo e em seguida batendo. A intenção é fazer os espectadores assistirem a uma índia se transformar no pássaro”, destaca o estilista.

Mayra Dias tem 27 anos, é jornalista e nasceu em Itacoatiara, município localizado a 271km de Manaus. A 67ª edição do Miss Universo acontece no centro de convenções IMPAC Arena e terá apresentação, mais uma vez, de Steve Harley. Candidatas de mais de 90 países disputam o título deste ano. No Brasil, a competição será transmitida pela Band, a partir das 22h.

Para outras dicas e novidades sobre o mundo da moda, não deixe de visitar o meu Instagram. Até a próxima!

Colaborou Danillo Costa



 


miss universomiss brasilFabiana Milazzomayra dias