Funcionários da CEB amanhecem em greve nesta terça-feira

Apenas serviços essenciais, como falta de luz em hospital e cabo de energia partido que possa causar risco, serão atendidos por servidores

Vinícius Santa Rosa/MetrópolesVinícius Santa Rosa/Metrópoles

atualizado 02/12/2019 22:03

Funcionários da CEB amanhecem em greve nesta terça-feira (03/12/2019). Eles querem pressionar o governo a garantir manutenção de benefícios.

Está em risco de extinção, por exemplo, o tíquete-natalino (R$ 1.300) e o quinquênio (adicional de 5% sobre o salário a cada cinco anos trabalhados).

O sindicato que representa a categoria (Stiu-DF) informou à coluna que apenas serviços essenciais, como o atendimento de ocorrências de falta de luz em hospital ou cabo de energia partido, serão mantidos.

Nesta segunda, 6.222 unidades consumidoras da Asa Sul ficaram sem luz. Leia mais na reportagem assinada por Matheus Garzon.

A contraproposta da CEB será analisada pelos trabalhadores a partir das 9h30 desta terça, na frente da sede da estatal, no SIA.

Em nota, a CEB disse acreditar que as partes chegarão, em breve, a um acordo e afirmou ter um plano de emergência para minimizar os efeitos de uma paralisação mais duradoura.

SOBRE OS AUTORES
Lilian Tahan

Dirige desde setembro de 2015 o site de notícias Metrópoles. É formada em comunicação social pela Universidade de Brasília (UnB), com especialização em jornalismo digital e gestão de empresa de comunicação pela ISE Business School, instituição vinculada à Universidade de Navarra, na Espanha. Antes do Metrópoles, trabalhou por 12 anos no Correio Braziliense e dois anos na revista Veja Brasília. Ao longo da carreira, conquistou prestigiados prêmios de jornalismo, como Esso, Embratel, CNT, CNI, AMB, MPT, Engenho.

Isadora Teixeira

Formada pelo Centro Universitário Iesb, atua como repórter do Metrópoles desde 2017. Na editoria de Cidades, cobre assuntos políticos relacionados ao Distrito Federal

Bruna Lima

Formada em comunicação social pela Universidade de Brasília (UnB), com intercâmbio de acordo bilateral junto à Université Cergy-Pontoise, na França. Está no Metrópoles desde 2019. Antes, trabalhou no Correio Braziliense, na TV Brasília, Bandnews FM e TV Senado. Possui também experiência em assessoria de imprensa pela Assessoria Internacional do GDF. Cobre os bastidores da política local e colabora com a editoria de Cidades.

Últimas notícias