Conheça 4 histórias de sucesso de casais de Brasília que empreendem juntos

Eles contam o segredo para manter as relações pessoais e empresariais em harmonia, mesmo passando tantas horas do dia juntos

atualizado 28/10/2020 12:39

César Rebouças/Imagem cedida ao Metrópoles

De acordo com dados do programa de pesquisa Global Entrepreneurship Monitor(GEM), de abrangência mundial, o Brasil deve atingir marca histórica de empreendedorismo em 2020, com até um quarto da população adulta envolvida com seu próprio negócio, seja ele novo ou de até 3,5 anos.

Empreender é apostar em um sonho e dedicar grande parte do tempo que se tem em um projeto pessoal. A escolha dos sócios e parceiros de trabalho é parte importante para o sucesso de uma empresa.

Se por um lado há quem diga que negócios, amigos e família não devem se misturar, por outro, há quem garanta que a cumplicidade com o parceiro foi fundamental para a saúde do negócio.

Conheça quatro casais de Brasília que decidiram apostar juntos nesse sonho e trilham um caminho de sucesso.

Família Jabour

Os negócios de gastronomia sempre estiveram muito ligados aos integrantes da família Jabour. Em 2020, os irmãos Luiza e Guto encaram um novo desafio: a abertura do restaurante mediterrâneo Almería, no Clube de Golfe. Para essa nova etapa, eles contam com seus respectivos companheiros, Thiago Lyra e Bianca Gregório.

Luiza e Thiago estão juntos há nove anos. Na época, ela acabara de desistir da faculdade de direito para estudar gastronomia. Desde então os dois sonhavam em abrir um pequeno restaurante italiano juntos. Ao longo dos anos, eles fizeram incontáveis eventos gastronômicos, de pequenas confraternizações às festas das embaixadas da capital.

“Nós gostávamos muito de trabalhar juntos, eu sempre atrás das panelas e o Thiago no atendimento e venda. Porém, nunca conseguimos seguir em frente com a ideia do restaurante. Agora, resolvemos unir forças com o Guto e a Bianca e tirar o sonho do papel”, diz Luiza.

O empresário Guto Jabour e a arquiteta Bianca Gregório estão juntos há cinco anos e se preparam para subir ao altar em 2021. Logo que começaram a namorar, Guto convidou Bianca para uma viagem, que na verdade se tratava de um passeio de Fiorino até o novo depósito da família em Goiás, onde a arquiteta o ajudou a descarregar o carro.

“De lá pra cá, tivemos diversas experiências de trabalho juntos. Eventos, lojas, projetos e sempre apoiamos muito um ao outro. A vontade de abrir um restaurante veio do nosso amor pela gastronomia e em criar experiências memoráveis para nossos amigos e clientes”, lembra o empresário.

Thiago Lyra, Luiza Jabour, Bianca Gregório e Guto Jabour

As duas histórias se cruzam no Almaría. Os quatro sócios estão nos preparativos finais para a inauguração do restaurante, marcada para meados de novembro. Cada um atua na sua área de especialização.

A abertura marca o retorno de Luiza ao Brasil, após uma temporada em Paris ao lado do marido. Ela estará à frente da cozinha, Thiago no atendimento aos clientes, Guto na parte financeira e administrativa e Bianca na parte de projetos e administrativa.

“Todos nós gostamos muito de comer e prezamos muito pela qualidade da comida, do atendimento e do ambiente. Somos uma família que ama trabalhar e empreender”, conta Luiza.

Daniella e André Naegele

A designer Daniella Naegele e o marido, André Naegele, são sócios na loja Avanzzo. Eles estão juntos amorosamente e profissionalmente há mais de 30 anos. Já são 29 anos de casamento e 31 com sócios. A parceria profissional começou quando eles ainda eram namorados e sonhavam em empreender. Mal sabia a dupla o sucesso que conquistariam três décadas depois de apostar todas as fichas em um projeto juntos.

O gosto por empreender está no sangue de Daniella. Ela vem de uma família que sempre comandou os próprios negócios. Já André era bancário quando surgiu a vontade de alçar novos voos. E ele mergulhou de cabeça na ideia da então namorada.

“Meus pais também trabalharam juntos e sempre vi casais que empreendem juntos como algo que pode dar certo”, recorda Daniella. Nessa parceria, a divisão do trabalho aconteceu naturalmente e cada um entrou com sua expertise: Daniella cuida da área de criação e marketing da marca, enquanto André toma conta do administrativo da Avanzzo. “Fazer o que gostamos é fundamental para enfrentarmos os desafios diários”, conta a designer.

Daniella e Andre Naegele

Daniella sabe que o equilíbrio entre o profissional e o pessoal é importante para o bem-estar da família e tenta não tratar de negócios em casa, mas diz ser inevitável e garante que, às vezes, até pode ser produtivo ter o sócio sob o mesmo teto.

“Durante o café da manhã ou jantar, surgem assuntos que não estavam nos nossos planos, mas considero que essas oportunidades são ótimas para agilizarmos processos ou analisar melhor um determinado assunto”, conta.

Essa vivência inspirou os filhos do casal, Pedro, 26 anos; Victor, 22; e Lucas, 19. Segundo Daniella, eles também pretendem empreender em um futuro próximo e têm o total apoio dos pais, que encaram o interesse dos herdeiros como uma oportunidade de aprendizado. “Vamos apoiá-los sempre. Para nós, será uma ótima oportunidade para aprender novos modelos de gestão para trazermos para a Avanzzo. Precisamos dessas novidades no nosso negócio”, garante.

Eduardo Nobre e Ariela Lana Nobre

Os empresários Eduardo Nobre e Ariela Lana Nobre empreendem juntos há quatro anos e encontraram o equilíbrio para conciliar cinco projetos simultaneamente: Clube IVV,  IVV Swine Bar, Na Cozinha do IVV, Iviva e o Yard. Esse último é um restaurante temporário, montado na Torre de TV de Brasília até o fim de janeiro de 2021, em parceria com o Hidden.

Eduardo é um chef apaixonado pelo que faz. Aos 19 anos, mudou-se para a Califórnia, nos Estados Unidos, onde viveu por aproximadamente 15 anos e trabalhou em 13 restaurantes, passando por diversas funções, de cumim a gerente-geral de salão, de lava-pratos a sous-chef de cozinha.

Em 2011, fez uma volta ao mundo, viajando por 52 países para aprender mais sobre culinária, o que ele chama de mestrado na gastronomia. Nesse caminho, pode degustar iguarias em mercados municipais, regionais e visitar vinícolas e destilarias dos quatro cantos do planeta.

A parceria empresarial com a esposa começou em 2016, enquanto ele tentava conciliar o Clube IVV –uma empresa 100% on-line de venda de vinhos, lançado em 2015 – com o IVV Swine Bar, o primeiro bar do país especializado no segmento de vinhos e pratos suínos. Ariela pediu demissão do local onde trabalhava para ajudar o marido. A parceria rendeu outros três empreendimentos.

“Ela foi fundamental nesse processo. Fomos trabalhar juntos por uma necessidade. Trabalhamos um ano com esses dois projetos e, em 2017, inauguramos o Na Cozinha, um espaço para eventos na mesma quadra da Asa Norte”, lembra Eduardo. No ano seguinte, eles abriram o Iviva, uma casa de bowls e smoothies. Mais recentemente, anunciaram o restaurante Yard by Hidden + IVV.

Ariela Lana Nobre e Eduardo Nobre

Sobre a dinâmica de trabalhar juntos em tantas empresas, Eduardo conta que o segredo está na divisão clara e bem delimitada de tarefas. Cada um é responsável pelo seu setor, respeitando o trabalho do outro. Eduardo é o responsável pelo operacional, enquanto Ariela cuida do escritório administrativo, relações humanas e marketing das empresas.

“A dinâmica de trabalhar juntos pode ser muito fácil ou difícil. A gente achou um equilíbrio muito interessante baseado em divisões de cargos. Esse respeito no setor do outro é muito importante, não só na relação empresarial, como na relação pessoal e familiar para a gente não trazer distúrbios e discussões para dentro de casa”, garante Nobre.

Apesar dos limites bem definidos, eles têm abertura para dividir opiniões, mas sem invadir ou tomar decisões no campo do outro sem uma conversa prévia ou um acordo em comum.

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.

Últimas notícias