*
 
 

O livro de memórias da ex-primeira-dama dos Estados Unidos Michelle Obama vendeu mais de 2 milhões de cópias desde o seu lançamento – ocorrido em 13 de novembro. Na última sexta-feira (30/11), a editora americana Penguin Random House revelou que Becoming (Minha História, em tradução livre) é a obra mais vendida de 2018.

De acordo com a NPD Bookscan, o livro de Michelle, com apenas duas semanas nas prateleiras, comercializou mais cópias do que qualquer outro título lançado neste ano. A tiragem conta tanto com edições em capa dura, audiolivro e versões digitais.

O livro está sendo publicado em 31 idiomas. No Brasil, foi lançado pela editora Objetiva com o título Minha História.

Getty Images

 

“Há muita coisa que eu ainda não sei sobre a América, sobre a vida, sobre o que o futuro pode trazer. Mas eu me conheço. Meu pai, Fraser, me ensinou a trabalhar duro, rir com frequência e manter minha palavra. Minha mãe, Marian, me mostrou como pensar por mim mesma e usar minha voz. Juntos, em nosso apertado apartamento no lado sul de Chicago, eles me ajudaram a ver o valor na nossa história, na minha história, na incrível história de nosso país. Mesmo quando não é bonita ou perfeita. Mesmo quando é mais real do que você quer que seja. Sua história é o que você tem, o que você sempre terá. É algo para possuir”, conta Michelle, em um dos trechos da obra.



 


Michelle Obamacompanhia das letrasex-primeira damanoite de autógrafosMinha HistóriaEditora Objetiva