Presidente do PDT em MG defende Tabata: “Causa inveja e ciúmes”

Parlamentar foi ameaçada de expulsão do partido caso votasse a favor da reforma da Previdência em primeiro turno na Câmara

Reprodução/ Câmara dos DeputadosReprodução/ Câmara dos Deputados

atualizado 15/07/2019 17:30

O presidente do PDT em Minas Gerais, deputado federal Mário Heringer, defendeu a colega deputada Tabata Amaral (PDT-SP) após ser ameaçada de expulsão do partido pelo voto a favor da reforma da Previdência no primeiro turno da Câmara. Segundo ele, a parlamentar “causa inveja e ciúmes” dentro do grupo.

“Não é porque ela votou diferente de nós que nós teremos que matá-la. Ela é a flor que nasce no momento onde as pessoas ainda não sabem para onde vão”, discursou.

O presidente garantiu ainda que o voto de Tabata foi por convicção, não por direcionamento de outra pessoa. “Peço que tenham um pouco mais de carinho e respeito, porque essa menina tem um jeito diferente de fazer política”, disse o pedetista.

Confira o vídeo na íntegra:

Entenda
O presidente do partido, Carlos Lupi, havia afirmado que quem apoiasse as mudanças na aposentadoria propostas pelo governo de Jair Bolsonaro (PSL) seria punido com o desligamento do grupo. Tabata, favorável à reforma e líder de um grupo dentro do PDT que também prometeu acompanhá-la na votação, publicou um vídeo dias após a aprovação da reforma explicando o motivo de ir contra orientação do partido.

“O sim que eu digo não é o sim ao governo. E, também, o não não é um não a decisões partidárias. Ser de esquerda não pode significar que a gente vai ser contra um projeto que, de fato, pode tornar o Brasil mais inclusivo e mais desenvolvido”, disse a parlamentar no vídeo, divulgado nesta quarta-feira (10/07/2019), com duração de um minuto e meio.

SOBRE O AUTOR
Juliana Barbosa

Estudante de jornalismo na Universidade Paulista (Unip), a brasiliense ama a profissão e tenta estar sempre bem-informada sobre as notícias de política e economia. Nas horas vagas, usa sua extensa coleção de livros para se distrair.

Últimas notícias