Alcolumbre fará leitura do texto da Previdência às 14h no Senado

Intenção do presidente da Casa é enviar a matéria ainda nesta quinta-feira para a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ)

Waldemir Barreto/Agência SenadoWaldemir Barreto/Agência Senado

atualizado 08/08/2019 15:50

Está prevista para as 13h30 desta quinta-feira (08/08/2019) a chegada do texto da reforma da Previdência à Secretaria-geral da Mesa. Segundo o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), assim que receber a proposta, a matéria será encaminhada à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Alcolumbre costura um acordo para que a presidente da CCJ, Simone Tebet (MDB-MS), e o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) — provável relator do texto — definam um cronograma de debates.

Na tarde desta quinta-feira, após a leitura do texto da reforma, Tebet deve conversar com jornalistas. Alcolumbre abre a sessão no plenário às 14h para a leitura do texto aprovado em segundo turno pela Câmara, na noite dessa quarta-feira (07/08/2019).

O senador Major Olímpio (PSL-SP) afirmou que em até 60 dias será possível concluir a tramitação da reforma no Senado. Com isso, a votação deve ocorrer antes da primeira quinzena de outubro. “Acredito que a discussão será breve”, arrisca.

Ele não crava uma data, mas estima que a matéria tramite por 45 dias na Comissão de Constituição e Justiça e mais 15 no plenário. “Item em que possa haver diferença com a interpretação da Câmara deve ser suprimido e reconduzido para uma PEC paralela”, avalia.

SOBRE O AUTOR
Otávio Augusto

Formado em jornalismo pelo Centro Universitário ICESP. Trabalhou nos jornais Alô Brasília e Correio Braziliense, onde passou pelas editorias de Cidades, Política e Brasil. Foi setorista de Saúde por dois anos. Tem interesse pelos temas de direitos humanos e meio ambiente, além de política e economia. No seu tempo livre, aprecia esportes, como corridas ao ar livre. É repórter do Metrópoles desde fevereiro de 2019.

Últimas notícias