Padre Fábio de Melo rebate ex-deputado sobre Paulo Henrique Amorim

Xico Graziano deixou a entender que o jornalista era um canalha e iria para o inferno

atualizado 12/07/2019 13:21

Padre Fábio de Melo entrou na polêmica envolvendo um comentário do ex-deputado Xico Graziano sobre a morte de Paulo Henrique Amorim, que faleceu nessa quarta-feira (10/07/2019).

No Twitter, Graziano deixou a entender que o jornalista iria para o inferno. “Quando morre um canalha, me lembro das aulas de catecismo, em que o padre falava sobre o céu e o inferno. Aquilo me impressionava. Fazer o bem, ser cristão, em suma, era a receita para entrar na porta iluminada. Senão, o diabo nos esperava na escuridão. Onde baterá a alma de PHA?”, escreveu o político.

Indignado, o padre Fábio de Melo respondeu ao comentário. “É assim que nós religiosos fomentamos e fazemos crescer o ateísmo. Anunciando um deus que é bem pior do que nós”, disse.

Em “apoio” a Graziano, um leitor respondeu: “Padre, com todo respeito, em minha opinião o homem é maniqueísta em sua essência. Ou é bom ou mal. As maiores atrocidades da história foram feitas por comunistas, logo eles estão do lado do mal. Por exemplo, nem a China é mais comunista”. Outro usuário, no entanto, defendeu o religioso. “Por isso te admiro tanto, padre. O deus desses caras é racista, separatista, vingativo, misógino, materialista e escravagista. Triste viu?!”.

Últimas notícias