Manoel Soares se revolta com ataques racistas a Seu Jorge: “Denuncie”

O cantor estava fazendo um show em Porto Alegre (RS) quando foi xingado pela plateia e ainda foi ofendido racialmente

atualizado 18/10/2022 11:54

O apresentador do programa "Encontro", da Globo, Manoel Soares. Ele sorri para a câmera usando terno azul e camisa branca com trança de dread escorrendo pelo ombro - Metrópoles Reprodução/Instagram

Após o caso de racismo sofrido por Seu Jorge durante um show em Porto Alegre (RS), Manoel Soares se revoltou ao falar sobre o caso durante o Encontro desta terça-feira (18/10). O apresentador ainda aproveitou para mandar uma mensagem ao público da cidade e encorajou as pessoas a denunciarem casos como esse.

“É muito importante que a investigação policial realmente aconteça e isso que o Seu Jorge fala é algo fundamental. Gente, existe a lei de número 1677, que é a lei que prevê o crime de racismo. Então, caso você venha sofrer com uma situação como essa, é muito importante que você se manifeste em suas redes sociais e reúna pessoas”, pontuou Manoel.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
0

O apresentador expressou o quão importante é denunciar este tipo de caso. “Porém, é mais importante ainda que você denuncie, pois sem denúncia nada acontece. Quando você chegar na delegacia para denunciar, insista que seja tipificado como racismo, porque pode ser que eles coloquem como injúria ou importunação. Não! Nós temos que dar nome a esse boi, porque senão a gente não resolve”, comentou.

Por fim, Manoel Soares mandou uma mensagem ao público da cidade.  “Povo do Rio Grande do Sul, eu acho que não cabe mais a gente protagonizar isso. A gente ama tanto essa terra… Não é mesmo, Patrícia? Não tem porque”, completou o apresentador, que recebeu o apoio de Patrícia Poeta.

Mais lidas
Últimas notícias