Vídeo: ponte desaba em rio no Amazonas e deixa mortos e feridos

Governo do estado e prefeitura de Careiro divergem sobre número de vítimas

atualizado 28/09/2022 16:06

Reprodução

Uma ponte desabou no km 25 da BR-319 no município de Careiro, no Amazonas. Veículos que passavam pelo local caíram dentro do rio que atravessa a pista. O governo do estado e a prefeitura da cidade divergem sobre o número de vítimas. Enquanto a prefeitura fala em 18 mortos, a gestão estadual afirma que houve 3 vítimas e dezenas de feridos.

O trecho foi interditado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a eletricidade da região será desligada para evitar o agravamento da situação.

Veja vídeo do local:

A Polícia Civil do Amazonas acompanha a remoção dos corpos e a retirada dos feridos. Informações oficiais indicam que havia três corpos no local que os feridos estão sendo encaminhados para o Hospital Deoclécio dos Santos, no município de Careiro.

A BR-319 é de responsabilidade do governo federal. O Metrópoles entrou em contato com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) sobre a manutenção da ponte, mas ainda não obteve respostas. O espaço segue aberto.

Imagens encaminhadas à reportagem mostram que a ponte estava em uma situação precária e veículos eram obrigados a passar por uma estrada de barro para atravessar o rio. Além disso, os vídeos mostram que no momento da queda carros de grande porte, como ônibus e caminhões, passavam pela ponte.

No hospital

Informações preliminares indicam que entre os mortos e feridos estão crianças e idosos. A Prefeitura de Careiro encaminhou o nome das vítimas para o hospital, mas não se sabe o estado de saúde delas: Luís Santana da Silva, de 60 anos; Cleonilde dos Santos, de 67 anos; Gusttavo Lima, de 3 anos; Miguel Victor de Souza, de 10 anos; Vanderlei Coide Mendes, de 54 anos; Amarildo Alves, de 51 anos; e Dacicleide Moraes de Sousa, de 36 anos, estão no Hospital Deoclécio dos Santos.

Entre as vítimas encaminhadas para o Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, em Manaus, estão José Cláudio dos Santos Pereira, Eden de Almeida Prado, Ricardo de Souza Sobreira, Elionei Lira Brilhante e Mariano Andrade Mendonça. O Metrópoles entrou em contato com a unidade de saúde, mas não foi divulgada a situação das vítimas.

Confira a nota divulgada pelo governo do Amazonas:

O Governo do Amazonas informa que o governador Wilson Lima coordena as ações em apoio às vítimas do acidente que aconteceu na BR-319. Equipes da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) estão no local, com mergulhadores e ambulâncias de suporte avançado para os primeiros atendimentos. Até o momento, 14 vítimas foram atendidas em unidades de saúde de Manaus. O estado está à disposição do Ministério da Infraestrutura e do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (Dnit) para fazer o que for necessário para diminuir os transtornos causados pelo acidente. O governo vai enviar balsas para fazer o deslocamento de carros no local, enquanto o governo federal refaz a ponte.

Mais lidas
Últimas notícias