Vídeo: grupo tentou avisar que rocha cairia sobre lanchas em MG

Pelo menos cinco mortes já foram confirmadas. Trabalhos de resgate ainda são realizados, de acordo com governador de Minas Gerais

atualizado 08/01/2022 17:27

Lancha atingidas por rochas no Capitólio, em MGReprodução/ Vídeo

Um novo vídeo que circula nas redes sociais mostra, de um diferente ângulo, que turistas de outra lancha alertaram o grupo atingido pela queda de rocha no cânion de Capitólio (MG). Nas imagens, as pessoas em uma embarcação mais distante percebem a movimentação da rocha e tentam avisar as vítimas.

Vídeo: rocha de cânion cai e atinge lanchas em Capitólio (MG)

É possível ver pedras menores caindo da encosta, momentos antes de a grande rocha se desprender do cânion e atingir os barcos. Até a última atualização desta reportagem, cinco mortes haviam sido confirmadas pelo Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG). No total, 32 pessoas ficaram feridas e precisaram ser socorridas.

Tragédia em Capitólio:

0

Acidente

Segundo o CBMMG, a rocha atingiu, a princípio, três lanchas que estavam atracadas no Lago de Furnas, famoso ponto turístico da região.

Informações preliminares, de moradores da região, indicam que o número de óbitos pode chegar a oito. O acidente aconteceu por volta das 11h, mas os bombeiros demoraram a ser acionados por conta do fraco sinal de telefonia e internet da região.

Veja o vídeo do alerta e da queda da rocha em outro ângulo:

Ao Metrópoles, o CBMMG disse que a ocorrência pode ter sido provocada por uma “tromba d’água”, junto com o deslocamento de pedras. Militares de Passos e Piumhi estão seguindo para o local, assim como equipes de apoio aéreo de helicópteros que decolaram de Varginha.

Mapa distância Capitólio a BH

Os cânions do Lago de Furnas, em Capitólio, ficam a aproximadamente 290 km de Belo Horizonte e chamam a atenção pelos paredões de mais de 20 metros de altura. O local é procurado por turistas que fazem passeios de lanchas e mergulho nos lagos e rios locais. O local também atrai visitantes para contemplar a vista dos mirantes das rochas.

Veja mais fotos do ponto turístico antes da tragédia:

0

Mais lidas
Últimas notícias