Vereador ataca ideologia de gênero, defende pessoas trans e desmaia

Filiado ao PSL, parlamentar de Divinópolis (MG) apresentou projeto em defesa do nome social para pessoas trans

atualizado 28/10/2021 18:36

Reprodução

O vereador Diego Espino (PSL), de Divinópolis, cidade no oeste mineiro, viralizou nas redes sociais nesta quinta-feira (28/10) após protagonizar um discurso tão exaltado na Câmara Municipal que nem ele resistiu – e chegou a desmaiar.

Identificado como um conservador de direita, Espino resolveu usar a tribuna nesta tarde para protestar contra uma notícia falsa: que ele seria defensor da “ideologia de gênero”, conceito usado por uma parcela da população para se opor a pautas LGBTQIA+ (lésbicas, gays, bissexuais, transexuais, travestis, queer, intersexo e assexuais).

Tudo começou quando o parlamentar apresentou um projeto de lei que institui a possibilidade de pessoas trans usarem o nome social em locais onde a identificação é necessária.

A proposta foi alvo de críticas na cidade. Uma montagem chegou a ser feita com a foto do vereador e um texto dizendo que Espino queria “implantar ideologia de gênero em Divinópolis”. A imagem foi exibida pelo próprio parlamentar durante seu discurso na tribuna.

Indignação do parlamentar

Visivelmente indignado, o vereador então usou a tribuna da Câmara para apoiar a causa trans, criticar a ideologia de gênero e desafiar seus críticos. “A pessoa quando é transgênero, e a gente tem que respeitar isso, ao invés de ser chamada pelo nome de registro, pode querer ser chamada pelo nome social. É só isso. Quem sou eu para falar se é certo ou errado?”, discursou.

“Nunca fui a favor de ideologia de gênero, isso é identidade de gênero”, tentou explicar ainda Espino. “A pessoa pode escolher o que ela quer ser e vocês têm que respeitar! Eu estou aqui pelo certo, e certo é certo pelo certo”, complementou ele, citando um verso de Vida Loka Parte 2, dos Racionais MCs.

Ao encerrar o discurso, o parlamentar rebateu os críticos e chamou seus adversários para um acerto de contas na rua, dizendo: “Vocês vão ter que me segurar!”. Em seguida, Espino perdeu o ar e – como ninguém levou a fala ao pé da letra e o segurou – caiu, derrubando as bandeiras atrás de si.

A cena foi celebrizada pelo jornalista Lucas Ragazzi, que postou a parte final do discurso em seu perfil no Twitter, veja:

As sessões da Câmara da Divinópolis são transmitidas ao vivo pelas redes sociais. Desse material, o Metrópoles separou a fala inteira do vereador Diego Espino. Veja:

Mais lidas
Últimas notícias