Veja quem pode se vacinar neste domingo no DF, RS, AC e CE

Expectativa pela redução das faixas etárias está cada vez maior entre os brasileiros. Rio Branco vai imunizar pessoas acima de 30 anos

atualizado 04/07/2021 8:00

VacinaGustavo Moreno / Especial para o Metrópoles

A expectativa para que chegue a vez de tomar a vacina contra a Covid-19 está alta. Cada vez mais os estados avançam na imunização, mas muitas dúvidas a respeito da faixa etária autorizada a receber as doses ainda atrapalham a corrida pela vacinação.

Pensando nisso, o Metrópoles te ajuda a entender quem pode ser vacinar, neste domingo (4/7), em algumas regiões do país.

No Distrito Federal, por exemplo, pessoas com 44 anos ou mais podem fazer o agendamento para receber o imunizante contra a Covid-19.

A redução na faixa etária, que antes estava em 46 anos ou mais, foi possível devido à chegada ao DF de 32.760 doses para uso como D1 da vacina Pfizer.

Acre

Em Rio Branco, haverá mutirão de vacina contra a Covid-19 neste domingo. De acordo com o secretário municipal de saúde da capital, Frank Lima, a imunização será para o público que tenha a partir de 30 anos.

Até o momento, a prefeitura de Rio Branco recebeu 137.716 doses contra Covid-19 e aplicou 132.185.

Ceará

A prefeitura de Fortaleza divulgou na sexta-feira (2/7) uma nova lista de pessoas agendadas para receber a vacina contra a Covid-19 neste domingo (4/7). A atualização contempla pessoas nascidas em 1987 – ou seja, que possuem 33 anos ou mais.

Rio Grande do Sul

A Prefeitura de Porto Alegre divulgou o calendário de vacinação contra a Covid-19 dos próximos dias. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a ampliação de novas faixas etárias será possível com a chegada de novas doses ao Rio Grande do Sul. Com isso, pessoas com 43 anos ou mais poderão tomar a vacina neste domingo.

O local da aplicação será a unidade móvel da SMS, que estará estacionada no Campo do Periquito, no bairro Cavalhada. Estarão disponíveis na unidade móvel D1 para todos os públicos e D2 AstraZeneca e Coronavac para quem tomou a primeira dose há mais de 12 semanas ou 28 dias, respectivamente.

Últimas notícias