Suspeito de matar mulher e jogar em cisterna diz que “perdeu a cabeça”

Rosiane Martins Cavalcante, 26 anos, foi encontrada com um fio enrolado no pescoço, no último dia 6

atualizado 29/09/2020 13:40

Suspeito de matar jovem e jogar em cisterna é preso com pertences da vítimaReprodução/ Redes Sociais

Após ser preso, o suspeito de matar a jovem Rosiane Martins Cavalcante, 26 anos, confessou o crime, nessa segunda-feira (28/9), e afirmou que teria agido por ciúmes enquanto estava sob efeito de drogas e bebida alcóolica. As informações são do G1. 

“Ele confessou que praticou o crime. Ele se relacionava com ela e, nesse dia, ele disse que estava sob efeito de bebida e droga, perdeu a cabeça e cometeu o crime”, explicou o delegado responsável pelo caso, Ricardo Casas.

Casas informou ainda que faltam algumas diligências a serem feitas e laudos analisados para concluir a investigação. “A gente tem 30 dias de prisão para concluir e pedir a preventiva. Ele é indiciado agora porque confessou”, contou.

Relembre o caso

A Polícia Civil do Acre prendeu, nesse sábado (26/9), o suspeito de matar a jovem Rosiane Martins Cavalcante, 26 anos, encontrada dentro de uma cisterna com um fio enrolado no pescoço, no último dia 6.

O homem foi achado no bairro Tancredo Neves com vários pertences da vítima, como um colar com o nome dela, telefone e roupas. Casas informou que ele mantinha um relacionamento amoroso com a vítima, mas não era namorado.

O corpo de Rosiane foi encontrado por parentes que foram até a residência dela após não conseguirem contato. Ela estava dentro da cisterna.

Últimas notícias