Suspeito de matar estudante da Unicamp com 28 facadas está foragido

Michael Douglas da Silva já tinha um mandado de prisão temporária por tentativa de assassinato a outra mulher no sábado (14/5)

atualizado 17/05/2022 17:45

Reprodução/Redes Sociais

São Paulo – Um homem de 28 anos é procurado pela Polícia Civil de São João da Boa Vista pelo assassinato da estudante da Unicamp Mayara Roquetto Valentim, de 23 anos, de acordo com o portal G1. A jovem foi morta no domingo (15/5), após sair para uma caminhada. O corpo foi encontrado com 28 facadas.

O principal suspeito da polícia é Michael Douglas da Silva, que já tinha um mandado de prisão temporária por tentativa de assassinato a outra mulher, no sábado (14/5), de acordo com o delegado do caso Fabiano Antunes.

0

Segundo o delegado, Michael atraiu a vizinha para um quarto, pedindo ajuda para mover um armário. Quando a mulher entrou, ele deu um golpe em sua cabeça e tentou efetuar dois disparos contra ela, mas a arma falhou.

A mulher conseguiu escapar após entrar em luta corporal com ele. O suspeito fugiu da cena do crime e se escondeu em uma área da mata, onde teria encontrado Mayara e a matado.

Ao G1, o delegado explicou que o suspeito já tem passagens pela polícia por crime de violência doméstica e porte ilegal de arma. Os familiares informaram à polícia que Michael sofre de esquizofrenia.

Atualmente, 45 policiais trabalham nas buscas dos suspeito na Serra Paulista, junto com cães farejadores. O corpo da jovem, estudante de ciências biológicas, foi enterrado na manhã desta terça-feira (17/5).

Receba notícias do Metrópoles no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/metropolesurgente.

Mais lidas
Últimas notícias