Servidores de UPA em BH sofrem com agressões e falta de equipamentos

Espaço de atendimento foi inaugurada há menos de dois meses

atualizado 19/09/2020 22:08

Inaugurada no último dia 6 de agosto, a nova sede da UPA Norte, em Belo Horizonte, já apresenta diversos problemas. Todos os dias, os profissionais de saúde precisam lidar com a violência, com a escassez de equipamentos, e com quedas constantes de energia elétrica.

Estas e outras precariedades foram temas de denúncias feitas pelos trabalhadores, por representantes do Conselho da UPA Norte e pelo Sindibel (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Belo Horizonte). As queixas foram encaminhadas para a PBH (Prefeitura de Belo Horizonte).

Leia mais em BHAZ, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias