Covid: Pfizer entrega primeiro lote de antiviral Paxlovid ao governo

Ministério da Saúde recebeu 50 mil unidades nesta semana. Outra remessa com a mesma quantia deve chegar até o fim do ano

atualizado 30/09/2022 22:12

paxlovid EUROPA PRESS / C.Lujan.POOL via Getty Images

A farmacêutica Pfizer entregou o primeiro lote do antiviral Paxlovid, contra a Covid-19, ao Ministério da Saúde. O carregamento com 50 mil unidades da terapia oral chegou na quinta-feira (29/9), confirmou a empresa.

O contrato com o governo brasileiro prevê ainda a entrega de uma segunda remessa com a mesma quantidade, ainda sem data definida. Na América Latina, o Brasil é o terceiro país a receber o medicamento, depois de México e Panamá.

O Paxlovid foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para uso no país em 30 de março. De acordo com a Pfizer, a pílula antiviral tem 89% de eficácia na prevenção de hospitalizações e mortes de pacientes contaminados pelo coronavírus.

“Paxlovid foi desenvolvido para ser administrado por via oral, o que facilita o tratamento, devendo ser iniciado até cinco dias do início dos sintomas, contribuindo assim para evitar o agravamento da doença”, esclarece a Pfizer.

Em 6 de maio, as pílulas foram incorporadas ao Sistema Único de Saúde (SUS), após avaliação positiva da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (Conitec).

Mais lidas
Últimas notícias