RJ: polícia investiga vídeo de traficantes cortando cabelo de jovens

Imagens que circulam nas redes sociais mostram cinco jovens sentados e com os cabelos cortados à força em Realengo, na zona oeste do Rio

atualizado 17/09/2021 15:28

Jovens tiveram os cabelos cortados por traficantes em favela do Rio de JaneiroReprodução/Redes Sociais

Rio de Janeiro – A Polícia Civil do Rio de Janeiro investiga a ação de traficantes contra um grupo de cinco jovens em uma comunidade da capital fluminense. Em vídeos que circulam nas redes sociais, as vítimas tiveram os cabelos cortados à força por traficantes. As imagens teriam sido gravadas na favela do Nogueira, em Realengo, na zona oeste do Rio.

Conforme a polícia, um inquérito foi instaurado na 33ª DP (Realengo) com base nos vídeos e informações compartilhadas em redes sociais. As vítimas ainda não foram identificadas e ninguém compareceu na delegacia para prestar queixa. Mas a investigação segue em andamento.

Segundo o jornal Extra, moradores relataram que os jovens teriam feito comentários sobre um dos chefes do tráfico da região e sua mulher. A conversa aconteceu em um grupo fechado no WhatsApp, mas foi descoberta pelo traficante. Ele, então, teria determinado “uma punição” ao grupo, que aparentava ser adolescentes.

Em um dos vídeos, uma jovem tentou esconder o rosto com as duas mãos e chorou enquanto suas tranças eram arrancadas pelos traficantes.  Em outro registro, um homem pergunta para a vítima: “Tá ficando careca por causa de quê? Fez o quê?”. Na sequência das imagens, o criminoso questiona se a jovem “fez fofoca sobre a mulher dos amigos”, e ela responde que sim.

Mais lidas
Últimas notícias