República Tcheca quer atrair estudantes brasileiros para 24 universidades

Nesta quinta-feira (14/10), os estudantes brasileiros e os familiares poderão participar da primeira edição de feira virtual

atualizado 13/10/2021 15:15

Praga - República TchecaDepartamento de Educação Superior da Agência Nacional Tcheca para Educação e Pesquisa (DZS)

Com o país reaberto para brasileiros vacinados contra a Covid-19, o governo da República Tcheca iniciou um movimento para se aproximar de estudantes brasileiros em cursos de graduação, pós, mestrado e MBA. O destino ainda é pouco conhecido e tem custos menores do que outros países tradicionais em intercâmbio.

Nesta quinta-feira (14/10), das 17h às 21h, os estudantes brasileiros e os familiares poderão participar da primeira edição da Feira Virtual “Estude na República Tcheca”. No evento gratuito, os interessados terão a chance de falar diretamente com representantes de 24 universidades de excelência na República Tcheca e com membros do governo local.

Para participar, é preciso fazer o cadastro no site da agência e acessar a plataforma no dia e horário da feira virtual. Após o cadastro, os inscritos receberão um e-mail com as informações de login.

Ao acessar a feira, será possível pesquisar as instituições por nome, tipo de curso e localização. Da mesma forma que em um evento presencial, as pessoas poderão percorrer os estandes das instituições em busca de informações e também conversar ao vivo com representantes das universidades por meio de chamadas de áudio e vídeo.

Na República Tcheca, mais de mil cursos ministrados em inglês são distribuídos em 61 instituições de ensino superior altamente qualificadas, com instalações modernas e uma ampla gama de cursos que vão desde medicina, engenharia, TI, ciências naturais ou negócios a direito, ciências sociais, artes e arquitetura.

“Os alunos têm muito mais liberdade no que diz respeito ao programa de estudos e às instalações da universidade. Existem muitas disciplinas opcionais ministradas por especialistas internacionais, as instalações da universidade estão sempre abertas e há espaço para os alunos terem um tempo tranquilo estudando fora dos dormitórios”, diz María Suarez, embaixadora do “Estude na República Tcheca” na Venezuela.

Custo de vida mensal

O custo de vida na localidade é estimado entre U$S 350 e U$S 750 por mês para cobrir acomodação, alimentação, viagens, cinemas e exposições de arte.

Outro benefício para estudantes internacionais é a possibilidade de trabalhar meio período e ganhar algum dinheiro extra. “O equilíbrio perfeito entre estudar e morar na República Tcheca é outro aspecto que pesa muito na hora de escolher o país como destino. É classificado como o quinto lugar mais acessível para se viver na Europa e o oitavo país mais seguro do mundo, de acordo com o Índice da Global Peace Index 2020”, informa Klara Tonkova, integrante do “Estude na República Tcheca”.

Serviço:

Evento: “Feira Virtual “Estude na República Tcheca”
Quem promove: Agência Nacional Tcheca para Educação e Pesquisa Internacional (DZS)
Dia: 14 de outubro, das 17h às 21h
Ingresso: gratuito
Inscrição: https://studyincz.online/
Site oficial: Study in the Czech Republic.

Últimas notícias