Renan toma 2ª dose da vacina: “Defender a vida não põe você à esquerda ou à direita”

Senador que é relator da CPI da Covid-19 acusou Bolsonaro de ser responsável por mais de dois terços das mortes pela pandemia no Brasil

atualizado 19/06/2021 20:21

Renan Calheiros vacina covidReprodução/Twitter

O senador Renan Calheiros (MDB-AL), que tem 65 anos, tomou neste sábado (19/6) a segunda dose da vacina contra a Covid-19. O senador, que é relator da Comissão Parlamentar de Inquérito da Pandemia, registrou o momento em vídeo, promoveu a imunização e atacou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), a quem responsabilizou por uma parte importante das 500 mil mortes registradas no país até agora.

“Vacina, primeira e segunda dose, é tudo que precisamos. O presidente da República não quer a vacinação porque acredita na imunização pelo contágio da doença, pelo vírus. Desse meio milhão de mortes de pessoas, mais de dois terços teriam sido evitados se a vacina tivesse chegado antes. E colocar a vacina no braço é defender a vida, não põe você nem à direita nem à esquerda, põe você de pé, firme”, discursou Renan.

Veja o vídeo divulgado pelo senador nas redes sociais:

0

Mais lidas
Últimas notícias