Rapaz é morto a pauladas e pedradas por vizinhos após briga de condomínio

Discussão começou após a vítima ir até o apartamento dos vizinhos para reclamar sobre agressões do filho deles contra seu irmão

atualizado 27/01/2021 18:54

Uma discussão em um condomínio de Sorocaba, em São Paulo, acabou com um rapaz de 29 anos assassinado. O motivo foi uma briga entre vizinhos, que teria começado um dia antes do crime, no último domingo (24/1).

A vítima foi até o apartamento dos agressores para conversar sobre as consecutivas agressões que o irmão de 5 anos estaria sofrendo do filho do casal, um menino de 11 anos.

Leonardo Proença de Almeida propôs uma conversa com os vizinhos para cessar as agressões que o seu irmão vinha sofrendo. No dia seguinte, Leonardo e o pai retornaram ao apartamento do casal para se queixar novamente do comportamento do filho deles. A recepção não foi amigável.

Segundo boletim de ocorrência, o agressor teria empurrado o pai de Leonardo escada abaixo, enquanto o jovem foi segurado para ser agredido com uma pedra pelo homem e com um taco de madeira pela mulher. Ainda consciente, mas muito machucado, Leonardo chegou até a portaria para pedir ajuda.

O jovem foi levado ao Conjunto Hospitalar de Sorocaba, onde ficou internado até a última segunda-feira (25/1), quando acabou morrendo. O quadro se agravou por conta das lesões no tórax e no cérebro.

O agressor foi preso em flagrante e vai responder por lesão corporal e homicídio qualificado.

Mais lidas
Últimas notícias