Presa, “Gatinha da Cracolândia” pede para ver a filha no Dia das Mães

Menina de 1 ano e 6 meses não pode visitar a mãe por não estar vacinada contra a Covid-19. "É uma dor imensurável", diz Lorraine em carta

atualizado 08/05/2022 11:55

Lorraine Cutier Bauer Romeiro, conhecida como "Gatinha da Cracolândia"Reprodução/Instagram

Presa, Lorraine Cutier Bauer Romeiro, 19 anos, conhecida como “Gatinha da Cracolândia”, escreveu uma carta solicitando ajuda às autoridades para ver a filha de 1 ano e seis meses neste domingo (8/5), Dia das Mães.

A criança não pode visitar a mãe, presa na Penitenciária Feminina de Franco da Rocha, em São Paulo, por não estar vacinada contra a Covid-19. Crianças de 0 a 5 anos não estão incluídas no Programa Nacional de Imunização (PNI), portanto, não podem receber o imunizante.

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) determina que para entrar no presídio é necessário apresentar comprovante de vacinação contra a doença.

Presa por tráfico desde julho de 2021, Lorraine escreveu como ela e outras mães que estão na mesma situação se sentem. “É uma dor imensurável para todas nós e nossos familiares, pois além de estarmos provisoriamente em cárcere, não podemos ver nossas crianças”.

“Nos ajudem a recuperar o nosso direito de termos nossos filhos em nossos braços”, diz a jovem em carta revelada pelo G1.

“É como se do dia para a noite desaparecêssemos de suas vidas, sem sequer nos despedirmos”, desabafou. “A falta de vacinas em nosso país para crianças de 0 a 5 anos é exorbitante, a grande maioria da população em cárcere tem filhos nessa idade. É preciso que se tome providências em relação à vacinação”, pediu.

A defesa da jovem deve entrar com um pedido para seja concedido o direito de visita da filha, de acordo com o previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Em 11 de abril, Lorraine Bauer foi condenada a cinco anos de prisão em regime fechado por tráfico de drogas. A jovem de 19 anos foi presa em flagrante na Cracolândia com 10 embalagens unitárias de cocaína, seis de maconha e 10 pedras de crack prontas para serem vendidas.

Receba notícias do Metrópoles no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/metropolesurgente.

Mais lidas
Últimas notícias