Por medo do coronavírus, China suspende importações de carne brasileira

Umas das razões para a suspensão é o aumento do número de casos de coronavírus em frigoríficos do Brasil

atualizado 29/06/2020 21:08

Rafaela Felicciano/Metrópoles

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou uma nota nesta segunda-feira (29/06) afirmando que, com o aumento do número de casos de coronavírus em frigoríficos do Brasil, as autoridades sanitárias da China suspenderam a autorização de exportação de três unidades brasileiras. A pasta não informou quais fábricas tiveram habilitações de exportação suspensa.

“A General Administration of Customs People’s Republic of China (GACC), órgão do governo chinês responsável pela habilitação de estabelecimentos exportadores para China e que também realiza o controle de mercadorias na aduana, solicitou recentemente ao Mapa informações sobre alguns estabelecimentos brasileiros que exportam para a China e que tiveram notícias divulgadas na imprensa do Brasil sobre casos da Covid-19 entre seus trabalhadores“, diz trecho da nota.

O Mapa também informou que, nesse contexto, suspendeu voluntariamente a exportação para China de um estabelecimento que teve suas atividades paralisadas em função de decisão judicial relacionada aos procedimentos de prevenção e controle da Covid-19 entre seus trabalhadores.

O ministério ressaltou que não foram apresentados formalmente os motivos das suspensões. “O Mapa está buscando junto à GACC as razões da suspensão dos três estabelecimentos, e, ao mesmo tempo, iniciou negociações para que as suspensões possam ser levantadas, visando à retomada por parte dessas empresas das exportações para a China”, afirma a nota.

0

 

Últimas notícias