Severino Cavalcanti, ex-presidente da Câmara, morre aos 89 anos no Recife

Ainda não há informações sobre a causa da morte. O político também foi prefeito de João Alfredo (PE)

atualizado 15/07/2020 10:23

Severino CavalcantiJ. Freitas/Agencia Camara

O ex-presidente da Câmara dos Deputados Severino Cavalcanti morreu aos 89 anos de idade na manhã desta quarta-feira (15/7). Ele foi deputado federal entre 1995 e 2005. Além disso, atuou como prefeito de João Alfredo (PE).

O falecimento aconteceu nesta madrugada em Recife (PE). Ainda não há informações sobre a causa da morte. O enterro do político está marcado para as 15h30 desta quarta, em João Alfredo.

Ex-presidente da Câmara Severino Cavalcanti junto ao ex-presidente Lula

O senador Fernando Bezerra (MDB-PE) prestou solidariedade ao conterrâneo: “Com tristeza, nos despedimos de Severino Cavalcanti. [Ele] deixa sua marca na história do município de João Alfredo e na política de Pernambuco”, escreveu.

Cavalcanti renunciou ao mandato de deputado federal após ser acusado de cobrar propina no valor de R$ 10 mil por mês do dono de um dos restaurantes da Câmara dos Deputados. O caso ficou conhecido como “mensalinho” e ocorreu na mesma época em que o PT, na presidência de Luiz Inácio Lula da Silva, foi denunciado por pagar mesadas a parlamentares para votar com o governo, caso que ficou conhecido como “mensalão”.

Últimas notícias