Sem citar nome, Guedes chama Mandetta de “animador de televisão”

Ministro da Economia respondeu às criticas do ex-ministro da Saúde de que ele não teria dado a devida atenção à Covid-19

atualizado 29/10/2020 12:15

Rafaela Felicciano/Metrópoles

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta quinta-feira (29/10), sem mencionar o nome, que se decepcionou com o ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS), e o chamou de “animador de televisão”.

Em audiência pública na comissão especial do Congresso Nacional da Covid-19, Guedes relatou que colocou o secretário executivo, Marcelo Guaranys, para auxiliar diretamente a pasta da Saúde e que liberou recursos em diversas frentes para o combate ao novo coronavírus.

O ministro acrescentou que, em determinado momento, Mandetta pediu para que a Economia parasse de enviar recursos porque ele não “conseguiria processar por questões logísticas”.

“Aí o ex-ministro da Saúde vem dizer que ele [Guedes] não deu muita atenção à crise. É um animador de televisão, um inconsequente de falar algo como isso. Nós trabalhamos de manhã, de tarde e de noite para aliviar a crise. Aí eu entendi a diferença de capacidade logística quando chegou o novo ministro [Eduardo Pazuello]”, declarou Guedes.

0

Há duas semanas, Mandetta criticou a postura do ministro da Economia em entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura. Na ocasião, o ex-ministro disse, entre outras coisas, que Guedes privilegiava a economia em detrimento da Saúde.

Últimas notícias