Lista de investigados da CPI já tem 12 nomes. Confira

Marcelo Queiroga e Eduardo Pazuello estão no rol elaborado pela CPI da Covid, além de médicos como Nise Yamaguchi e Paolo Zanotto

atualizado 17/06/2021 20:46

Senadores na CPI da CovidRafaela Felicciano/Metrópoles

Pelo menos 12 nomes já estão confirmados no rol de investigados da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19. Entre eles, o atual ministro da Saúde, Marcelo Queiroga.

A lista foi confirmada pelo senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator dos trabalhos.

Com isso, os 12 saem da condição de testemunhas e passam a ser tratados como investigados. Além disso, podem constar na lista de indiciados pela comissão, ao final dos depoimentos, quando uma denúncia deverá ser feita ao Ministério Público.

Na condição de investigados, a CPI poderá aprovar quebras de sigilos e operações de busca e apreensão.

A lista completa com os nomes deve ser anunciada nesta sexta-feira (18/6) em entrevista coletiva do chamado G7, grupo de senadores que fazem parte do comando da CPI.

Confira quais os nomes passarão a ser classificados como investigados:
  • Marcelo Queiroga (ministro da Saúde)
  • Eduardo Pazuello (ex-ministro da Saúde)
  • Ernesto Araújo (ex-ministro de Relações Exteriores)
  • Fábio Wajngarten (ex-secretário de Comunicação Social)
  • Mayra Pinheiro (secretária de Gestão do Trabalho do Ministério da Saúde)
  • Nise Yamaguchi (médica defensora da cloroquina)
  • Paolo Zanotto (médico defensor da cloroquina)
  • Carlos Wizard (empresário que aconselhou Pazuello)
  • Arthur Weintraub (ex-assessor especial da Presidência da República)
  • Francieli Fantinato (coordenadora do Programa Nacional de Imunização)
  • Marcellus Campêlo (ex-secretário de Saúde do Amazonas)
  • Elcio Franco (ex-secretário-executivo do Ministério da Saúde)

Últimas notícias