Grupo “300 do Brasil” protesta em frente ao STF com tochas e máscaras

Os integrantes marcharam em frente à Suprema Corte e gritaram palavras de ordem contra o ministro Alexandre de Moraes

atualizado 01/06/2020 5:56

protesto 300 do Brasil no STFWallace Martins/Futura Press/Estadão Conteúdo

Grupo “300 pelo Brasil”, acampado na área central de Brasília para apoiar o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), fez um protesto em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF) na noite desse sábado (30/05).

O grupo usava roupas pretas e máscaras e carregava tochas acesas. Os integrantes marcharam em frente à Suprema Corte e gritaram palavras de ordem contra o ministro Alexandre de Moraes. Ele é relator do inquérito no STF que investiga um esquema de produção e distribuição de notícias falsas.

No Twitter, Sara Winter, uma das integrantes do grupo, postou vídeo da manifestação. “Chegamos e viemos cobrar as autoridades por um Brasil Livre”.

0

Sobre o uso de máscaras e tochas, elas explicou: “Sobre nosso protesto de ontem [sábado]: a ideia foi de um apoiador que é judeu e quem comprou as tochas e máscaras foi um organizador dos 300 que é negro”.

Últimas notícias