Depois de Egito e Dubai, Mourão chega à Grécia para reuniões bilaterais

Em Dubai, o general falou na ExpoDubai, a maior feira de tecnologias e inovações do mundo

atualizado 05/10/2021 9:29

Reprodução/Twitter

O vice-presidente Hamilton Mourão (PRBT) chegou na segunda-feira (4/10) ao último destino da viagem diplomática, por três continentes, que durará 12 dias. Mourão partiu no domingo (26/9) e já foi ao Cairo, no Egito, e a Dubai, nos Emirados Árabes. Em Dubai, o general falou na ExpoDubai, a maior feira de tecnologias e inovações do mundo.

De acordo com a assessoria de comunicação da Vice-Presidência, na Grécia o general se encontrará com Maximos Senetakis, presidente do Grupo Parlamentar de Amizade Brasil-Grécia; Panagiotis Pikrammenos, vice-primeiro-ministro da Grécia, e com o capitão Panagiotis Tsakos, copresidente do Conselho Empresarial Brasil-Grécia.

Nesta manhã, o vice-presidente fez uma postagem no Twitter, na qual falou sobre o primeiro encontro previsto. “No Parlamento Helênico, reuni-me com o Presidente do Grupo de Amizade Brasil-Grécia, Maximos Senetakis. Conversamos sobre perspectivas de incremento nas relações bilaterais, sustentabilidade e medidas de apoio mútuo no campo político, econômico e comercial”, disse Mourão.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
0
Roteiro

Mourão já se vacinou contra a Covid-19. Ele recebeu a segunda dose da Coronavac no dia 24 de abril, mas ainda não está apto para tomar a dose de reforço, que no Distrito Federal é aplicada em idosos a partir de 85 anos.

O vice-presidente, no entanto, afirmou que se submeteria ao exame de RT-PCR antes de embarcar para confirmar que não está infectado pelo vírus que já matou quase 600 mil brasileiros.

Durante conversa com jornalistas, na saída do Palácio do Planalto, na última quarta-feira (22/9), o general disse que a visita aos países servirá para estreitar laços, uma vez que, segundo ele, são nações parceiras do Brasil, mas que não recebem visitas oficiais de representantes brasileiros há um bom tempo.

“Vou fazer uma visita oficial ao Egito, que há muito tempo não vai ninguém nosso lá. Importante parceiro comercial e um dos pilares do mundo árabe. Depois, a abertura da ExpoDubai. Na volta, uma visita oficial à Grécia, que é outro país que nós temos ligação e não vai ninguém”, explicou o general.

De acordo com as portarias números 4142,4344 e 45, publicadas no Diário Oficial da União (DOU), no dia 13 de setembro, 32 funcionários do gabinete da Vice-Presidência serão enviados aos países para prestar assessoramento ao general.

Mais lidas
Últimas notícias