Comitiva de Bolsonaro aos EUA tem 22 contaminados com coronavírus

Resultado de mais quatro assessores diretos do presidente deram positivo para a doença nessa quinta-feira

atualizado 20/03/2020 10:19

Jair BolsonaroFotos: Rafaela Felicciano/Metrópoles

O número de integrantes da comitiva que esteve com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em viagem aos Estados Unidos e foi diagnosticado com o novo coronavírus passou de 19 para 22 nessa quinta-feira (19/3).

Também tiveram os resultados positivos confirmados o assessor internacional da presidência, Filipe Martins; o chefe da ajudância de ordens, Major Cid; o chefe do cerimonial, Carlos França; e o diretor do departamento de segurança presidencial, Coronel Suarez.

A informação foi confirmada pelo próprio presidente, na manhã desta sexta-feira (20/03), ao deixar o Palácio da Alvorada.

O secretário de Comunicação, Fábio Wajngarten, foi o primeiro membro da delegação a ter o exame positivo confirmado para o novo coronavírus. Ele segue isolado em casa, em São Paulo.

Todos os quatro novos casos confirmados da comitiva presidencial fizeram um primeiro teste logo que retornaram dos Estados Unidos, o qual atestou negativo. Eles estavam em isolamento por terem tido contato com Wajngarten.

Os ministros Bento Albuquerque, das Minas e Energia, e Augusto Heleno, do Gabinete de segurança institucional, atestaram positivo para o vírus nesta semana, bem como o presidente da Agência Brasileira de Promoção à Exportação (Apex), Almirante Sérgio Segovia.

Confira o nome dos integrantes infectados pelo coronavírus

  • General Augusto Heleno, chefe do Gabinete de Segurança Institucional
  • Fabio Wajngarten, secretário de Comunicação da Presidência da República
  • Nelsinho Trad, senador pelo PTB-MS
  • Nestor Forster, embaixador e encarregado de negócios do Brasil nos EUA
  • Karina Kufa, advogada e tesoureira do Aliança pelo Brasil
  • Sérgio Lima, publicitário e marqueteiro do Aliança pelo Brasil
  • Samy Liberman, secretário-adjunto de comunicação da Presidência
  • Alan Coelho de Séllos, chefe do cerimonial do Itamaraty
  • Robson Andrade, presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI)
  • Marcos Troyjo, secretário especial de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais do Ministério da Economia
  • Flávio Roscoe, presidente da Federação das Indústria do Estado de Minas Gerais
  • Daniel Freitas, deputado federal (PSL-SC)
  • Quatro integrantes não-identificados da equipe de apoio do voo presidencial aos EUA
  • Filipe Martins, assessor internacional da presidência
  • Major Cid, chefe da ajudância de ordens
  • Carlos França, chefe do cerimonial
  • Coronel Suarez, diretor do departamento de segurança presidencial
0

Últimas notícias