Bolsonaro justifica ausência de Michelle em evento com evangélicas

Presidente está no Maranhão desde a noite de quarta-feira (13/7), com agendas em igrejas evangélicas

atualizado 14/07/2022 11:36

O presidente Bolsonaro e a primeira-dama Michelle descem rampa do Planalto em cerimônia realizada para promoção de Oficiais-Generais - Metrópoles Igo Estrela/Metrópoles

O presidente Jair Bolsonaro (PL) justificou, nesta quinta-feira (14/7), a ausência da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, em viagem ao Maranhão. O mandatário está no estado nortista desde a noite de quarta-feira (13/7) com agendas em igrejas evangélicas, mas a esposa, que segue a religião, não o acompanhou.

Nesta quinta (14), ele participou de encontro com mulheres evangélicas, o 38º Congresso de Estadual das Missionárias e Dirigentes de Círculo de Oração da Convenção Estadual das Assembleias de Deus do Maranhão.

“Hoje aqui, esse encontro religioso de mulheres, tem um significado especial. Nenhum homem pode ser bem-sucedido se não tiver ao seu lado uma grande mulher. A minha esposa lamenta não estar presente. Quando as viagens ultrapassam dois dias, ela costuma não viajar. Temos uma filha de 11 anos de idade, uma filha que mudou mais ainda a minha vida, porque depois de quatro homens, veio uma menina”, disse Bolsonaro.

“No leito dos hospitais, onde a incerteza pairava sobre a minha vida, eu pedi uma coisa a Deus: que não deixe a minha filha se tornar uma órfã”, prosseguiu ele, em referência ao atentado a faca que sofreu na campanha eleitoral de 2018.

Com uma alta rejeição entre o eleitorado feminino, a campanha de reeleição de Bolsonaro defende maior envolvimento da primeira-dama nas agendas e eventos do presidente. No entanto, Michelle tem se mostrado refratária a participar de forma mais ativa, inclusive resistindo a aparecer em peças publicitárias do PL, partido ao qual também se filiou recentemente.

Nesta quinta, Bolsonaro fez um discurso voltado ao público feminino, dizendo que seu governo visa atender, preferencialmente, as mulheres.

Receba notícias do Metrópoles no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/metropolesurgente.

Mais lidas
Últimas notícias