Bolsonaro diz que não está fazendo campanha eleitoral e alfineta PT

Durante seu discurso, o presidente também referiu-se ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como "vagabundo"

atualizado 26/06/2021 13:39

bolsonaro no cercadinhoReprodução/Foco do Brasil/YouTube

Na tarde deste sábado (26/6), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) após a “motociata” realizada em Chapecó, Santa Catarina, disse que ainda não está fazendo campanha eleitoral e atacou o Partido dos Trabalhadores.

“Não estamos fazendo campanha, apenas mostrando que temos um presidente que está ao lado do povo. Vocês não estão aqui por minha causa, eu estou aqui pela causa de vocês”, disse Bolsonaro depois de criticar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Durante sua fala, ao lado do prefeito de Chapecó, João Rodrigues (PSD), do senador Jorginho Mello (PL), do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL) e do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, Bolsonaro também atacou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e a decisão que o tornou elegível.

0

“Estamos aqui para ao lado de vocês, mudar o destino do Brasil. Estou muito emocionado e feliz, qualquer região que eu visito, sou tratado bem. O povo nordestino é igualzinho aos aqui da região Sul. Não existe essa figura de que lá eles idolatram o ‘ladrão’, pelo contrário, eles abominam e repudiam esse ‘ladrão’, que por 14 anos afundou nosso país”, continuou o presidente, que esteve no Rio Grande do Norte na quinta-feira (24/6).

O presidente está no estado de Santa Catarina desde sexta-feira (26/6). Pela manhã, participou da quarta “motociata” dos últimos meses. O grupo de apoiadores foi, de moto, com o presidente, de Distrito Industrial Flávio Baldissera até o município de Xanxerê. O chefe do Executivo não utilizava máscara.

Mais lidas
Últimas notícias