Bolsonaro afirma que não houve “desinformação” no Enem 2019

Presidente parabenizou ministro da Educação pela primeira etapa da prova e disse que a falta de abordagens políticas foi positiva

Marcos Corrêa/PR

atualizado 07/11/2019 20:14

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) elogiou o ministro da Educação, Abraham Weintraub, pela realização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), no último domingo, e disse que em 2019 não houve “desinformação” na prova. “Sem problemas. Parabéns ao MEC, ao ministro”, disse, em transmissão ao vivo nesta quinta-feira (7/11/2019).

Na avaliação de Bolsonaro, o tema da redação “Democratização do acesso ao cinema no Brasil” foi melhor do que os dos anos anteriores.

“Tem um banco de dados para você pesquisar temas, então não teve participação nossa. Minha, zero. Não tive conhecimento nenhum. Mas o tema já não foi aquele tema polêmico, lembra? Linguagem não sei de quem… Não sei o quê. Escrevendo besteira, estimulando a criançada a se interessar por aquele assunto que não leva a lugar nenhum. Eu espero, Weintraub, que na próxima redação caiam temas científicos, técnicos ou até culturais”, afirmou.

Sem citar temas específicos para não “polemizar”, o presidente disse que a falta de abordagens políticas na prova foi positiva.

“E também, certas questões que o pessoal, a imprensa sentiu falta, eu não quero falar aqui para não polemizar. Quero dizer à imprensa o seguinte: não houve é desinformação. Quando tratava desse assunto, era só mentira. Então, não houve desinformação nas questões de múltipla escolha”, declarou.

Últimas notícias