Previdência: relator diz que economia da reforma ainda é de R$ 1 tri

Mesmo assim, o deputado Samuel Moreira cobrou "mais empenho" do governo para que o relatório seja aprovado na CCJ da Câmara

Marcelo Camargo/Agência BrasilMarcelo Camargo/Agência Brasil

atualizado 12/06/2019 20:08

A expectativa de economia do parecer do relator da reforma da Previdência, Samuel Moreira (PSDB-SP), permanece em R$ 1 trilhão em 10 anos. É o mesmo valor estipulado pela proposta original, enviada ao Congresso Nacional pela equipe econômica do governo de Jair Bolsonaro (PSL).

“Do ponto de vista fiscal, a expectativa é que se possa equilibrar alguns pontos para ter uma economia de R$ 1 trilhão. Temos possibilidades. Evidentemente que é uma votação de um quórum alto, mas vamos construir maioria o tempo todo, para nós aprovarmos o projeto. Muita esperança e convicção de que vamos construir o projeto de R$ 1 trilhão”, explicou.

O relator criticou ainda a participação do Palácio do Planalto na tramitação da reforma na Casa. Moreira disse que o empenho do governo ainda estava “pequeno” e gostaria que o Executivo se dedicasse mais na construção dos votos.

Cobrou empenho
“Não sei se é boa ou se é ruim a presença do governo. O empenho do governo seria bom. Do ponto de vista da reforma, ainda está muito pequeno. A gente gostaria que o governo se empenhasse mais um pouco. Mais na construção de uma maioria e dos votos necessários seria importante para o Brasil”, pontuou.

Últimas notícias