Michelle Bolsonaro terá sala própria na Esplanada dos Ministérios

Mulher de Jair Bolsonaro (PSL), primeira-dama atuará como uma espécie de "presidente de honra", mas não deve receber salário

Agência BrasilAgência Brasil

atualizado 03/04/2019 13:05

A primeira-dama Michelle Bolsonaro, esposa do presidente Jair Bolsonaro (PSL), terá uma sala própria no Bloco A da Esplanada dos Ministérios. As informações são da colunista Bela Megale, do jornal O Globo.

De acordo com a reportagem, as obras já começaram e o primeiro prédio, logo após a catedral de Brasília, vai receber a primeira-dama. Ela dará expediente no mesmo bloco dos ministros Osmar Terra, da Cidadania, e Damares Alves, da Família, Mulher e dos Direitos Humanos.

Michelle já teria, inclusive, visitado pessoalmente o lugar. Os funcionários que ocupavam a sala foram realocados.

Ao contrário dos servidores, ela não baterá ponto diariamente. A ideia, segundo envolvidos na iniciativa, é que a primeira-dama atue como uma “presidente de honra” de projetos das pastas, principalmente na área de divulgação.

De acordo com a lei brasileira, a primeira-dama não tem direito a salário por não ser considerada integrante da administração federal. Os gastos dela estão vinculados à Presidência da República.

 

Últimas notícias