Liderança do PT amanhece em clima de festa após prêmio de R$ 120 mi

Funcionários do partido que prestam serviços em outros postos informaram que o grupo ganhador do bolão existe há bastante tempo

Marcello Casal jr/Agência BrasilMarcello Casal jr/Agência Brasil

atualizado 19/09/2019 11:21

Após a divulgação de que o prêmio de R$ 120 milhões da Mega-Sena saiu para um grupo de funcionários da liderança do Partido dos Trabalhadores (PT), o gabinete na Câmara dos Deputados amanheceu em clima de festa nesta quinta-feira (19/09/2019). São poucos os servidores que apareceram no local, mas quem está por lá comemora, distribui abraços e tira selfies.

Apesar do clima festivo, alguns funcionários se disseram tristes. Isso porque as copeiras, que sempre participam do bolão, não entraram desta vez, algumas por falta de dinheiro. “Estou sentido porque não estavam desta vez”, lamentou um petista.

Funcionários do partido que prestam serviços em outros postos informaram que o grupo ganhador do bolão existe há bastante tempo e tem o hábito de jogar toda semana, principalmente quando há prêmio acumulado, como no caso do último sorteio, que pagou R$ 120 milhões.

A aposta vencedora foi um bolão de 49 cotas — o que dá a cada a participante algo em torno de R$ 2,45 milhões. Houve quem pagou seis cotas segundo se comenta nos bastidores, o que renderia R$ 15 milhões ao sortudo.

Outro grupo, da presidência do PT, também sempre joga na Mega-Sena e faz bolão, mas desta vez não participou porque o funcionário responsável pelas apostas está de férias.

A notícia de que o prêmio da Mega-Sena saiu para servidores da liderança do PT interrompeu a sessão na Câmara sobre a ampliação de gastos eleitorais nessa quarta-feira (18/09/2019). Quem “oficializou” a informação foi o deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP), que parabenizou os ganhadores ao tomar a palavra no plenário.

 

Últimas notícias