Deputado Mandetta é confirmado ministro da Saúde de Bolsonaro

Anúncio foi feito após reunião do presidente eleito com parlamentares ligados à área

DivulgaçãoDivulgação

atualizado 20/11/2018 15:19

O deputado federal Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS) foi confirmado como futuro ministro da Saúde no governo Jair Bolsonaro nesta terça-feira (20/11).

O anúncio foi feito após reunião do presidente eleito com parlamentares ligados à saúde no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), sede do governo de transição.

Antes da confirmação oficial pela equipe de Bolsonaro, parlamentares presentes ao encontro disseminaram a notícia em redes sociais, entre eles o governador eleito de Goiás, senador Ronaldo Caiado (DEM), que é médico.

Mandetta será o segundo representante do DEM de Mato Grosso do Sul no ministério de Jair Bolsonaro. A deputada Tereza Cristina, já foi indicada para a Agricultura.

A escolha de Mandetta pode atrapalhar os planos do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, que tenta se manter no cargo na nova legislatura. Nesse cenário, Bolsonaro alegaria excesso de espaço do DEM no Executivo, abrindo mão de apoiar a manutenção de Rodrigo Maia no comando da Câmara.

O senador eleito Izalci (PSDB-DF) é um dos apoiadores da indicação de Mandetta e esteve no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), sede do governo de transição, nesta terça-feira.

“Vim prestar apoio ao Mandetta”, disse à reportagem do Metrópoles, acompanhado de outros parlamentares ligados à saúde. “Questionado sobre as chances de o colega parlmentar assumir a pasta, Izalci disse que são “boas e grandes”.

Últimas notícias