Bolsonaro defende no Twitter liberdade ideológica de empresas

Nesta semana, presidente editou MP da Liberdade Econômica, que desburocratiza funcionamento de pequenos negócios no país

Michael Melo/MetrópolesMichael Melo/Metrópoles

atualizado 04/05/2019 15:10

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) defendeu a liberdade econômica em seu Twitter, neste sábado (04/05/2019). Ele afirmou que as empresas privadas devem ser livres para executarem suas atividades, independentemente de valores ideológicos, desde que não sejam financiadas por dinheiro público.

Horas antes, o presidente divulgou um vídeo com uma propaganda da Medida Provisória editada na última terça-feira, que desburocratiza o funcionamento de empresas no país, em especial os pequenos negócios. No material, o secretário Especial de Desburocratização, Paulo Uebel, fala sobre a proposta do governo para incentivar o empreendedorismo.

“Estamos tirando toda e qualquer intervenção do Estado, em termos de licença, alvará, autorização para atividades de baixo risco, para poder focar nas atividades de médio e alto risco”, afirmou Uebel, no vídeo compartilhado pelo presidente da República.

Últimas notícias