Polícia interdita oficinas que modificavam aviões para o tráfico em Goiás

Investigação descobriu que piloto goiano que desapareceu em 2018 foi cooptado por quadrilha, e morreu durante queda de aeronave na Bolívia

atualizado 18/01/2021 16:49

Divulgação/Polícia Civil

Onze aviões de pequeno porte foram apreendidos na semana passada em Anápolis, em Goiás, durante uma operação da Polícia Civil que desarticulou um esquema de preparação de aeronaves que eram usadas exclusivamente para o tráfico internacional de drogas.

Durante as investigações, a polícia descobriu que um piloto goiano que desapareceu em 2018 morreu após a queda de um avião que levava drogas para outro país.

Leia mais em Mais Goiás, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias