Vídeo: presos comemoram morte de detento do PCC em Campo Grande

Juliano Pereira foi atingido por disparos de um motociclista quando saia do presídio para o trabalho externo

atualizado 01/12/2020 14:31

Juliano Pereira, 42 anos, detento membro do Primeiro Comando da Capital (PCC), foi executado em frente ao Centro Penal Agroindustrial da Gameleira, em Campo Grande (MS), na manhã de hoje (30/11), teve sua morte comemorada por outros detentos.

O atirador estava em uma moto vermelha e efetuou, ao menos, 12 disparos contra Juliano, que estava saindo para trabalho externo. Juliano morreu com tiros no tórax, cabeça e braços.

Leia mais em Topmídia News, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias