Categorias: Polícia

Menina de 10 anos é morta a facadas pelo padrasto no Rio

Uma menina de 10 anos foi assassinada a facadas pelo padrasto em Porciúncula, noroeste fluminensese. O crime, segundo a Polícia Civil do Rio de Janeiro, ocorreu na madrugada desta terça-feira (20/11/2019).

De acordo com a Polícia Militar do Estado, a menina, identificada como Maria Ysabel do Couto Oliveira, foi morta na casa onde morava, na Rua Alberto Calveti, no Centro do município.

No local, a equipe do 29º BPM (Itaperuna) encontrou a vítima já sem vida, aparentemente atingida por golpes de faca.

O padrasto tentou suicídio em seguida, com uma arma branca. Ele, que não teve a identidade revelada, foi levado ao pronto-socorro local e, em seguida, para a 139ª (Porciúncula), onde o caso é investigado.

Preso em flagrante, o homem foi indiciado por homicídio. Ele foi encaminhado para a unidade prisional de Campos dos Goytacazes.

Jacqueline Saraiva

Formada em comunicação social na Facitec, trabalhou por oito anos na redação do Correio Braziliense, como repórter e subeditora do site do veículo. Atualmente, faz parte da equipe do Metrópoles, onde atua como editora assistente da Home.

Últimas notícias

Entorno: casos de coronavírus sobem para quatro em Valparaíso

Em todo o estado de Goiás, já há 73 casos confirmados da doença

2 horas passados

BBB20: Flay vence Prova do Líder e ganha um carro

Além da imunidade que garantirá mais uma semana na casa, a vencedora terá o direito de indicar um adversário direto…

2 horas passados

“In Mandetta I trust”, diz Rosângela Moro – e apaga pouco depois

Advogada, mulher do ministro da Justiça, apoia titular da Saúde: "Entre a ciência e achismos eu fico com a ciência"

3 horas passados

Dybala e a namorada voltam a testar positivo para o coronavírus

Jogador da Juventus havia apresentado melhora. No Instagram, sua namorada aconselhou: "Fiquem em casa"

3 horas passados

PM que voltava do trabalho evita homicídio em Taguatinga

Homem ameaçava vítimas com uma faca na Praça do Relógio e foi preso em flagrante

3 horas passados

Covid-19: Twitter apaga post de Malafaia que criticava isolamento

Pastor evangélico usou a conta na rede social para disseminar um vídeo intitulado "A farsa da quarentena no Brasil"

4 horas passados