Em discussão, PM paulista saca arma e atira contra motorista de aplicativo

Militar foi preso em flagrante, mas saiu após pagar fiança de R$ 1,5 mil. Ele será investigado pela Corregedoria da PMSP

atualizado 02/11/2020 21:53

Reprodução

Um motorista de aplicativo foi alvo de uma tentativa de homicídio cometida por um policial militar de 25 anos. O caso ocorreu na madrugada desse domingo (1º/11), em Campinas (SP).

O militar foi preso após supostamente ter disparado sua arma contra o motorista. Após pagar fiança de R$ 1,5 mil, ele está em liberdade e será alvo de investigação pela Corregedoria da Polícia Militar de São Paulo. São informações do UOL.

Por volta das 2h, o suspeito e a namorada deixavam uma festa na residência de amigos, e a jovem pediu uma corrida por aplicativo.

Quando o colaborador questionou como seria o pagamento, a companheira do militar se revoltou, dando início a uma discussão entre os três.

No meio da discussão, o policial teria sacado a arma e atirado contra o carro. O disparo atingiu o vidro traseiro do veículo. Em resposta rápida, o condutor acelerou. Ele não se feriu.

Na fuga, o motorista de app encontrou uma viatura e denunciou o ocorrido. A PM esteve no local e prendeu o policial em flagrante. Ele não resistiu à prisão e, inclusive, entregou a arma e cápsula aos militares.

0

Últimas notícias