Assalto a bancos em interior de SP termina com pelo menos 11 mortos

Durante a fuga, o grupo fez uma família refém em Guararema. Segundo polícia, todos os mortos são bandidos

Reprodução/TV GloboReprodução/TV Globo

atualizado 04/04/2019 13:34

Pelo menos 11 pessoas morreram, na madrugada desta quinta-feira (4/4), durante tentativa de assalto a dois bancos na cidade de Guararema, interior de São Paulo. Segundo informações preliminares da Polícia Civil local, todos os mortos são bandidos.

De acordo com a corporação, um grupo com cerca de 30 criminosos invadiu a cidade para roubar duas agências bancárias, uma do Banco do Brasil, que fica ao lado da delegacia, e outra do Santander. Não conseguiram, entretanto, levar o dinheiro.

O bando estava fortemente armado, com fuzis e metralhadoras, e carregava explosivos. Algumas dinamites chegaram a ser colocadas nos caixas eletrônicos, mas não foram detonadas. Houve tiroteio entre os policiais e 10 bandidos teriam sido baleados e mortos.

O bando já era monitorado, há pelo menos nove meses, pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público Estadual e a Polícia Militar conseguiu cercar os criminosos ainda durante a ação.

Veja imagens:

Na fuga, um dos criminosos invadiu um imóvel e fez uma família refém. Como não houve negociação e o homem optou por não se render, ele foi baleado e morreu. Até o início da manhã, a PM continuava em busca de outros suspeitos. As agências estavam interditadas por terem sido deixados explosivos em seu interior.

Guararema fica na região metropolitana de São Paulo, tem cerca de 28 mil habitantes e está a 80 km distante da capital paulista.

Aguarde mais informações