PF apura fraude de R$ 1 milhão em benefícios de seguro-desemprego

Os crimes investigados são estelionato previdenciário, inserção de dados falsos em sistema de informação e organização criminosa

atualizado 01/12/2020 9:37

Polícia FederalAgência Brasil/EBC

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira (1º/12), a Operação Seguro Fake II, que visa apurar esquema de fraudes ao seguro-desemprego e a outros benefícios sociais no Pará.

Foram cumpridos 16 mandados de busca e apreensão, expedidos pela 4ª Vara Federal da Seção Judiciária de Belém, a maioria deles relacionada a alvos localizados na cidade de Redenção (PA), sendo um em Palmas (TO).

0

A Justiça determinou também a indisponibilidade de bens de quatro alvos, para fins de ressarcimento dos prejuízos causados à Fazenda Pública, que comprovadamente já ultrapassam R$ 1 milhão.

Os crimes investigados são estelionato previdenciário, inserção de dados falsos em sistema de informação e organização criminosa.

Mais lidas
Últimas notícias